João Pessoa 23.13ºC
Campina Grande 21.9ºC
Patos 22.61ºC
IBOVESPA 121341.13
Euro 5.8132
Dólar 5.4301
Peso 0.006
Yuan 0.748
Programa Mão Amiga qualifica moradores em situação de rua para tratar pets
25/08/2021 / 17:43
Compartilhe:

Campinas, SP 25/8/2021 – “Ampliamos a oferta de possibilidades de formação e isso mostra o compromisso do governo com a inclusão”, afirmou Vandecleya Moro

O Programa Mão Amiga tem por objetivo promover a cidadania e a reinserção social da população em situação de rua

O programa Mão Amiga da Prefeitura de Campinas iniciou sexta-feira, dia 20, a primeira aula de uma série de oficinas práticas para auxiliar de veterinária. A ação é voltada para moradores em situação de rua que desejam uma nova ocupação. 

“Ampliamos a oferta de possibilidades de formação e isso mostra o compromisso do governo com a inclusão. Costumo dizer que política pública se faz com parceria e essa iniciativa não seria possível sem a união de secretarias”, afirmou Vandecleya Moro, secretária municipal de Assistência Social, Pessoa com Deficiência e Direitos Humanos de Campinas. O projeto de qualificação para auxiliar de veterinária reúne mais três outras secretarias municipais: a de Educação, a do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e a de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas.

O treinamento ocorreu na sede do Departamento de Proteção e Bem-Estar Animal (DPBEA), da Secretaria Municipal do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. Também foi dia de castração de gatos e os bolsistas do Mão Amiga auxiliaram a equipe nas tarefas de organização do trabalho. Antes dessa atividade, a turma teve aulas teóricas virtuais com o veterinário Paulo Anselmo, nas quais aprenderam noções sobre práticas veterinárias por meio de plataforma fornecida pela Escola de Governo e Desenvolvimento do Servidor (EGDS), da Secretaria Municipal de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas.

Cada aula prática envolve quatro alunos de uma classe de 30 alunos. O resultado da primeira atividade foi bem avaliado por Vagner dos Santos Bellini, diretor do DPBEA. “Foi um dia produtivo e a turma correspondeu bem. Quero destacar aqui a importância da iniciativa da Secretaria Municipal de Assistência Social, Pessoa com Deficiência e Direitos Humanos de Campinas, que oferece uma oportunidade de formação a esses bolsistas”, declarou. 

Para o bolsista Sidnei Seiji, abrigado na Casa Juninho, o curso despertou nele o interesse por essa atividade. “Estou gostando muito da atividade e tenho me esforçado para aprender tudo, o que não é fácil, mas tudo na vida se aprende”, declarou.

O Programa Mão Amiga tem por objetivo promover a cidadania e a reinserção social da população em situação de rua. Foi criado em 2016. Essa é a 6ª turma. As formações oferecidas dependem de parcerias, mas já incluíram jardinagem e paisagismo, hidráulica e elétrica predial. 

Website: https://www.campinas.sp.gov.br/governo/assistencia-social-seguranca-alimentar/