João Pessoa 29.13ºC
Campina Grande 26.9ºC
Patos 33.18ºC
IBOVESPA 119758.48
Euro 5.8023
Dólar 5.4054
Peso 0.006
Yuan 0.7451
Investigado por atos obscenos em público, influenciador digital ‘Arthur, o Urso’ tem depoimento à polícia adiado
09/04/2024 / 13:22
Compartilhe:
‘Arthur, o Urso’ é intimado para depor à Polícia Civil após desfilar com mulheres seminuas na orla de João Pessoa

O depoimento do influenciador Arturo Daniel de Lima Medeiros, mais conhecido como ‘Arthur, o Urso’, que estava marcado para acontecer nesta terça-feira (09/04), foi adiado e ainda não há nova data para a oitiva.

Ele está sendo investigado pela Polícia Civil da Paraíba por crime de ato obsceno em espaço público após a repercussão de um vídeo em que aparece, com um grupo de mulheres seminuas, desfilando em triciclos na orla da praia de Cabo Branco, em João Pessoa. Essas mulheres também estão sendo investigadas e deverão prestar esclarecimentos à polícia.

Ontem, o Ministério Público (MPPB) instaurou um procedimento de notícia de fato para acompanhar a investigação policial relacionada aos atos obscenos que teriam sido praticados pelo digital e por mulheres com as quais se relaciona.

A promotora Cláudia Cabral determinou que a Delegacia Geral de Polícia Civil fosse oficiada e solicitou que o órgão de segurança pública designasse um delegado para “a abertura do procedimento policial próprio e a investigação dos fatos em todas as suas circunstâncias, contra as pessoas identificadas pelos perfis das redes sociais”.

Segundo ‘Arthur, o Urso’, o vídeo gravado na orla seria usado para promover um reality chamado “Mansão do Urso”. 

Receba as notícias do F5Online no WhatsApp