Além de crime, poda ilegal de árvores também pode atingir postes de energia

0
12
Bruno Poletti (P)/Folhapress

Em parceria com a prefeitura, a Energisa realiza podas quando os galhos estão próximos ou em contato com a rede elétrica.

A árvore está na calçada e você e seus vizinhos se sentem tão incomodados com a sujeira que, para acabar com o problema, decidem cortar as partes que consideram necessárias. A iniciativa, a princípio, pode parecer inocente, mas você sabia que essa atitude pode colocar em risco a vegetação e a sua própria vida? Pois é. Realizar a poda sem comunicar à prefeitura configura poda ilegal e pode causar graves consequências, caso a pessoa tenha contato com a rede de energia elétrica. “É proibido fazer a poda sem autorização prévia. É necessário também um profissional habilitado, porque não pode ser feita a poda drástica que causa mutilação na planta, ou quando é feita por cima da copa ou então apenas de um lado, além da questão de segurança com a rede de energia”, explicou a gerente de Manutenção e Construção da Energisa na Paraíba, Danielly Formiga.

De acordo com a legislação municipal, a poda de árvores em passeio público é responsabilidade das prefeituras, mas, caso os galhos estejam próximos ou estejam tocando a rede elétrica, o órgão competente deve comunicar a Energisa. Após ser solicitada pelo órgão competente, a Energisa disponibiliza seus técnicos e equipamentos, para que a poda seja feita de maneira segura, sem comprometer, inclusive, o fornecimento de energia. “Quando está próxima à rede elétrica, o cuidado deve ser redobrado devido ao perigo de partir os cabos de energia, o que coloca em risco a vida das pessoas e o fornecimento de luz”, reforça a gerente Danielly Formiga. Utilizando equipamentos de proteção individual e materiais adequados, os técnicos da concessionária avaliam a distância da árvore até a rede de energia e os riscos de acidentes. Em seguida, a manutenção é programada para ser realizada por profissionais habilitados da empresa. Os galhos cortados são recolhidos, triturados e destinados para empresas especializadas em tratamento de resíduos. que podem utilizar na cobertura do solo, canteiros, paisagismo e compostagem.

Gerência de Comunicação e Marketing:

Lívia Karol Araújo – 83 99182 7458
Lílian Viana Cananéa – 83 99412 2414

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui