23.1 C
João Pessoa
20.9 C
Campina Grande
19.5 C
Brasília

Bairros com presença de áreas verdes apresentam sensação térmica mais agradável

Mangues, matas densas, vegetação de praia, matas ciliares e espécies que compõem a arborização urbana. A cobertura vegetal do município de João Pessoa é composta por uma diversidade de formações, remanescentes de Mata Atlântica, principal bioma da Capital da Paraíba. Além da beleza, a presença dessas áreas promove mais qualidade de vida e bem estar. No Dia Internacional das Florestas e Árvores, celebrado neste domingo (21) a Prefeitura de João Pessoa, por meio da Secretaria de Meio Ambiente (Semam), reforça as ações que são promovidas para preservar e recuperar o patrimônio ambiental da cidade.

O município de João Pessoa tem 30,67% de sua área com cobertura vegetal e 47,11 m² de área verde por habitante. A diferença térmica na cidade pode ser de até 5°C entre um bairro sem áreas verdes e bairros próximos de fragmentos de florestas. A Semam tem atuado na preservação e recuperação de áreas verdes, para que a população possa continuar usufruindo desse conforto térmico, com atenção especial para os parques como o Parque Zoobotânico Arruda Câmara, Bica, Parque Lauro Pires Xavier (entre os bairros Treze de Maio e Tambiá), Parque Cabo Branco, Augusto dos Anjos (em Gramame), Parque Ecológico Jaguaribe (entre as avenidas Ministro José Américo de Almeida e Epitácio Pessoa), Parque da Lagoa, entre outras áreas com potencial para proteção legal e conservação.

Leia Também

O secretário de Meio Ambiente, Welison de Araújo Silveira, destacou que todas as atividades desenvolvidas na Semam têm foco na preservação e recuperação de áreas verdes e florestas. “Desde o cuidado com a emissão das Licenças Ambientais, passando pelas ações de Fiscalização, produção de mudas de árvores nativas para plantio urbano nas áreas públicas e ainda atividades promovidas pelos técnicos da Divisão de Estudos e Pesquisas (Diep)”, ressalta.

Poda – Os técnicos da Semam trabalham com a Poda Programada, uma ação que, como o nome diz, é planejada, é programada, feita em grandes áreas urbanas da cidade. A Poda Programada promove o cuidado com as árvores e indivíduos arbóreos da cidade, fazendo a retirada dos galhos secos, vistoriando as condições fitossanitárias das plantas, checando se estão infestadas com fungos e cupins. O serviço é feito de acordo com as normas da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) e da SBAU (Sociedade Brasileira de Arborização Urbana), respeitando a conformação da copa, estimulando o crescimento, fortalecendo as plantas e evitando quedas e acidentes.

Licença – Empreendedores que ocupam ou utilizam áreas verdes, que desenvolvam atividades que ofereçam riscos para o meio ambiente, precisam dar entrada no processo de Licença Ambiental. No momento da Licença o empreendedor é orientado pelos técnicos da Semam, que informam sobre a legislação, procedimentos, adaptações e noras que precisam ser seguidos. O processo de licenciamento dá garantias para os empreendedores para que os mesmos não coloquem seus estabelecimentos e atividades em risco e ao mesmo tempo protege o meio ambiente no qual todos estamos inseridos.

Estudos – Os técnicos da Divisão de Estudos e Pesquisas (Diep) da Semam trabalham promovendo diversas atividades que apóiam as demais atividades da Secretaria, desenvolvendo, planejando e aplicando ações de conservação, recuperação e monitoramento do meio ambiente e recursos naturais, elaborando e planejando políticas públicas ambientais e gestão de unidades de conservação. Em relação à proteção das áreas verdes e florestas, destaque para o mapeamento das nascentes de rios, localizadas no território de João Pessoa, planos de uso e manejo dos parques da cidade, atividades de educação ambiental, elaboração de mapas e georeferenciamento, entre outras ações, todas focadas na proteção do patrimônio ambiental da cidade.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

#PUBLICIDADE#

Mais Lidas

DATAVOX: João Azevêdo lidera com 40,7% das intenções de voto na 1ª pesquisa para governo da PB em 2022

Realizada em parceria entre o Instituto Datavox e o portal PB Agora, a pesquisa aponta o deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) em segundo lugar, com 14,2%. Em seguida vem o senador Veneziano Vital (MDB), com 6,6%, o ex-prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT) com 5,9%, Nilvan Ferreira (PTB) com 3,2% e a vice-governadora do estado, Lígia Feliciano (PDT) com 1%. Indecisos somam 20,3%, enquanto brancos e nulos representam 8,1%.

ENQUETE F5: Se as eleições fossem hoje Pedro Cunha Lima seria o novo governador da Paraíba

O programa F5 da Rádio POP FM realizou uma enquete com os ouvintes e expectadores que acompanharam a transmissão pelo YouTube da edição desta...

15 possíveis temas de redação para o Enem 2022

O Portal Nacional da Educação divulgou uma lista com os possíveis temas de redação para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem),...

Palco desaba e deixa formandos de medicina feridos na Grande João Pessoa

Duas  pessoas  foram socorridas com traumatismo craniano encefálico (TCE) após parte da estrutura de um palco desabar, no final da tarde deste sábado (21),...

7 carros que serão lançados no Brasil ainda em 2022

Mesmo com restrições causadas pela pandemia, 2021 teve lançamentos “de peso” ao longo do ano, como os SUVs Fiat Pulse, Toyota Corolla Cross, Jeep...
#PUBLICIDADE#

ACHAMOS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

#PUBLICIDADE#