João Pessoa 28.13ºC
Campina Grande 25.9ºC
Patos 32.1ºC
IBOVESPA 126787.01
Euro 5.8792
Dólar 5.436
Peso 0.0059
Yuan 0.7475
BNB destina R$ 234 milhões para construção de parque aquático indoor em João Pessoa
18/06/2024 / 16:07
Compartilhe:
Projeto será executado com parte dos recursos financiada pelo Banco do Nordeste

Um resort de alto padrão que comportará o maior parque aquático indoor do Brasil está em obras no Polo Turístico Cabo Branco, em João Pessoa. O empreendimento conta com parte dos custos financiada pelo Banco do Nordeste, numa operação financeira de R$ 234 milhões em recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE). O Tauá Hotel e Convention tem um custo total previsto em R$ 335 milhões e será inaugurado no fim de 2025, com a expectativa de gerar mil empregos diretos.

Receba as notícias do F5Online no WhatsApp

O empreendimento é voltado para o turismo em família, em sistema de hospedagem all inclusive e tem como diferenciais a utilização de cobertura retrátil similar às utilizadas nos estádios mais modernos do mundo. O projeto contempla também piscina com ondas, climatizador de ambientes e usina de cloro, todos com monitoramento remoto via IoT e telemetria (controle e gestão) remota e automatizada.

O Grupo Tauá possui resorts semelhantes nos estados de São Paulo, Goiás e Minas Gerais. Em João Pessoa, abrigará uma estrutura construída de 148 mil metros quadrados, com 500 apartamentos e previsão de faturamento anual é de R$ 213,6 milhões, considerando tratar-se de empresa em implantação.

A CEO do Grupo Tauá, Lizete Ribeiro, ressalta o crescimento do turismo na região com o hotel. “Depois das obras concluídas, serão gerados ao menos mil empregos diretos. Queremos ajudar a impulsionar o turismo na região e fortalecer a importância do Estado da Paraíba para o setor no Nordeste do Brasil”, afirmou em nota divulgada.

A instalação do resort em João Pessoa foi viabilizada pelo Polo Turístico Cabo Branco, considerado o maior complexo turístico planejado do Nordeste. A área compreende 35 lotes com agrupamentos de equipamentos de entretenimento, comércio e serviços voltados para o turismo. A gestão estadual também promove incentivos econômicos e fiscais para as empresas que desenvolvam empreendimentos no local.

O superintendente do Banco do Nordeste na Paraíba, João Nilton Castro Martins, destaca o Polo Cabo Branco e os equipamentos que se instalarão como um marco para o turismo no estado. “Trata-se de uma área que será transformada com a implantação desses equipamentos e para viabilizar essas obras, o Banco do Nordeste coloca-se à disposição com o FNE Proatur, que é o Programa de Apoio ao Turismo Regional, para atender a médias e grandes empresas do setor”, destacou.