João Pessoa 24.13ºC
Campina Grande 21.9ºC
Patos 22.59ºC
IBOVESPA 120767.19
Euro 5.7467
Dólar 5.3436
Peso 0.0059
Yuan 0.7374
Crianças viram ‘arquitetos por um dia’ e ideias para áreas de lazer serão adotadas em edifícios residenciais
12/10/2023 / 14:24
Compartilhe:

Arquiteto por um dia. Essa foi a experiência vivenciada por crianças que colocaram a mão na massa, ou melhor, no papel e lápis, para desenhar equipamentos de lazer que elas gostariam de encontrar em um condomínio que morassem. Contudo, a brincadeira, pensada para festejar o Dia das Crianças, é coisa séria: trata-se de uma estratégia adotada por uma construtora de João Pessoa para captar ideias e sugestões que serão aplicadas nos próximos empreendimentos do grupo.

“Eu já tinha adotado essa perspectiva ouvindo e brincando com as minhas filhas, quando fui projetar o playground de um dos projetos que assino, e deu super certo. Trata-se de técnicas do ´design thinking´ – que é uma abordagem extremamente centrada no usuário. Partilhando com a equipe, resolvemos ampliar e fazer essa experiência com outras crianças. Tivemos uma tarde muito criativa, produtiva e cheia de diversão, além de ideias maravilhosas”, contou a arquiteta Maiara Amorim, da Construtora Galvão Amorim.

Sete “arquitetos mirins” soltaram a imaginação e produziram desenhos inspiradores. De tiloresa a sala de games eletrônicos, passando pela construção de um labirinto e de um parquinho com som e luzes coloridas, as sugestões foram criativas e dinâmicas. “Eu gostei muito de participar e de conhecer um pouco de como começa o trabalho dos arquitetos. Foi muito legal!”, contou Benjamim Madrid, de sete anos.

Já Lucca Arruda, de cinco anos de idade, disse que pensou em muitas ideias e que adorou saber que uma delas, pode vir a ser incorporada em um prédio. “Eu acho que é muito importante ouvir as crianças. Eu gostei muito de ser ‘arquiteto’ e fiz desenhos muito bonitos. Vou gostar muito de ver meu desenho ‘de verdade’, acho que as crianças que morarem lá, vão ficar muito felizes e vão se divertir muito”, contou.

A arquiteta Maiara Amorim explicou que o ‘design thinking’ é um grande aliado da arquitetura e do design de interiores e que demonstra empatia com o consumidor, para entender o que clientes precisam e buscar por soluções eficientes para problemas e questões do dia a dia. “A empatia, a colaboração e a capacidade de olhar para os outros, traduzindo suas dores e desejos em soluções, é o que esse método tem de mais valioso. Temos buscado fazer isso em nossos empreendimentos e assim, podemos oferecer moradias que atendam as reais necessidades das pessoas”, completou.

Galvão Amorim – A Galvão Amorim é uma construtora e incorporadora que atua no mercado de João Pessoa desde 2007. A construtora está atualmente com quatro projetos em andamento na região do Bessa: Beach Haus, The Haus Resort & Residence, Garden Haus e Pent Haus Bessa e prepara-se para lançar o 14º empreendimento, dessa vez, na orla de Cabedelo.