26.1 C
João Pessoa
23.9 C
Campina Grande
25.5 C
Brasília

Daniela reforça necessidade de compra de vacinas contra Covid-19 no Brasil

A senadora lembra que sem vacinas a economia não vai reagir

Diante do levantamento publicado por veículos de imprensa nacional de que o cronograma de vacinação só prevê vacina para 65% da população brasileira, a senadora Daniella Ribeiro (Progressistas) demonstra preocupação com as consequências ainda mais drásticas que a pandemia da covid-19 podem causar Brasil.

A senadora defende a vacinação em massa da população brasileira, como forma de combater a pandemia que já completou um ano e matou, até este sábado, 262.777 pessoas no país.

Leia Também

Especialistas em saúde afirmam que para atingir um patamar razoável que daria um certo ‘conforto’ da imunidade coletiva, é necessário vacinar, no mínimo, 70% da população.

“Precisamos unir forças e cobrar a vacina. Até agora temos menos de 4% de vacinados e um índice de mortos que assusta. São vidas, não números. Cada morte por covid-19 é uma família que fica destruída, não podemos admitir a vacinação em passos lentos”, declarou a senadora.

Daniella mostrou preocupação também em relação à ocupação de leitos na rede pública e privada de saúde, com percentuais que apontam para o colapso iminente dos hospitais.

No final de fevereiro, a senadora, após pedido do prefeito de João Pessoa, Cícero Lucena, pediu 70 respiradores para a rede de saúde municipal da capital. O pedido foi prontamente atendido e os respiradores foram distribuídos na rede.

Os dados divulgados pelo jornal O Globo deste sábado consideram o cronograma de vacinas publicado esta semana pelo MS, levando em conta apenas contratos já assinados e com data de entrega prevista. Não consideram, portanto, possíveis novos contratos que venham a ser fechados com demais fabricantes de vacina.

Por fim, Daniella ressaltou a importância de união de forças dos representantes políticos para cobrar ao Governo Federal a agilidade na compra das vacinas como forma de evitar que mais mortes ocorram em decorrência da covid-19. “Infelizmente as vidas perdidas não voltam mais, temos que trabalhar com afinco para evitar que as estatísticas de mortes continuem a subir no nosso país”, afirmou.

Da Redação do F5 com o ParaibaOnline.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

#PUBLICIDADE#

Mais Lidas

Polícial Rodoviária Federal morre em Cabedelo

A policial rodoviária federal Renata Maia Pimenta, de 42 anos, morreu na noite desta sexta-feira (20) no prédio onde...

DATAVOX: João Azevêdo lidera com 40,7% das intenções de voto na 1ª pesquisa para governo da PB em 2022

Realizada em parceria entre o Instituto Datavox e o portal PB Agora, a pesquisa aponta o deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) em segundo lugar, com 14,2%. Em seguida vem o senador Veneziano Vital (MDB), com 6,6%, o ex-prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT) com 5,9%, Nilvan Ferreira (PTB) com 3,2% e a vice-governadora do estado, Lígia Feliciano (PDT) com 1%. Indecisos somam 20,3%, enquanto brancos e nulos representam 8,1%.

Palco desaba e deixa formandos de medicina feridos na Grande João Pessoa

Duas  pessoas  foram socorridas com traumatismo craniano encefálico (TCE) após parte da estrutura de um palco desabar, no final da tarde deste sábado (21),...

15 possíveis temas de redação para o Enem 2022

O Portal Nacional da Educação divulgou uma lista com os possíveis temas de redação para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem),...

ENQUETE F5: Se as eleições fossem hoje Pedro Cunha Lima seria o novo governador da Paraíba

O programa F5 da Rádio POP FM realizou uma enquete com os ouvintes e expectadores que acompanharam a transmissão pelo YouTube da edição desta...
#PUBLICIDADE#

ACHAMOS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

#PUBLICIDADE#