João Pessoa 27.13ºC
Campina Grande 23.9ºC
Patos 30.18ºC
IBOVESPA 126547.26
Euro 5.8964
Dólar 5.4549
Peso 0.0059
Yuan 0.7502
DE GRAÇA: Projeto da UFPB abre vagas para acompanhamento a crianças com microcefalia
18/01/2022 / 12:04
Compartilhe:

Um projeto de pesquisa vinculado ao Laboratório de Estudos em Envelhecimento e Neurociências (LABEN) da Universidade Federal da Paraíba está disponibilizando vagas para atendimento gratuito especializado destinado ao tratamento de crianças com microcefalia.

Intitulado Infecção congênita pelo zika vírus: Estudo de Coorte prospectivo, o projeto também chamado de NeuroZikav tem como público-alvo crianças, em qualquer idade, com microcefalia (podendo ou não ter o Zika como agente causador).

A ação oferece gratuitamente um acompanhamento contínuo das crianças com avaliações multiprofissionais e exames de tecnologia avançada, como exames de eletroencefalograma (EEG) e espectroscopia por infravermelho próximo (fNIRS). A proposta terapêutica inclui avaliações e eletroestimulação, visando melhorar as convulsões, bem como a qualidade de vida das crianças.

O projeto é um estudo pioneiro que oferece neuroestimulação não invasiva para crianças com microcefalia, a fim de investigar se a aplicação de Eletroestimulação Transcraniana por Corrente Contínua de alta definição (HD-tDCS) oferecida de forma individualizada, levando em consideração as diferenças anatômicas e fisiológicas de cada participante, pode ser uma promissora terapêutica adjuvante à terapia medicamentosa e reabilitadora.

Os dados obtidos nas avaliações serão usados para o desenvolvimento de um algoritmo para predição de resposta de severidade clínica dessas crianças e para o desenvolvimento de protocolos terapêuticos individualizados de neuroestimulação não invasiva, usando a Eletroestimulação Transcraniana por Corrente Contínua de alta definição (HD-tDCS), a fim de promover diminuição da duração e quantidade das crises epilépticas, redução da irritabilidade e melhoria da qualidade do sono dessas crianças.

Como se inscrever

Como é uma pesquisa longitudinal, ou seja, possui um período de tempo prolongado, ainda não há prazo definido para encerramento das inscrições. O prospecto é que elas ocorram até o final de junho, portanto, os interessados poderão se inscrever até o final do primeiro semestre de 2022. O cadastro pode ser realizado pelo perfil do Instagram do projeto (@neurozikav) ou por meio do número de telefone (83) 99963-3947.

Doutoranda em neurociência e uma das pesquisadoras responsáveis pelo projeto, Elidiane Araújo ressalta a importância do trabalho e os benefícios que ele oferece para as crianças.

“As crianças do nosso projeto realizam exames de tecnologia avançada que ainda não são ofertados pelo Sistema Único de Saúde (SUS), a exemplo do EEG modelo EPOC FLEX 32-Channel Wireless, Emotiv e da Espectroscopia Funcional Infravermelho Próximo (fNIRS)”, comentou.

O intuito dos pesquisadores é que o algoritmo para predição de resposta possa, futuramente, ser utilizado por profissionais de saúde na prática clínica para a avaliação da severidade clínica das crianças microcefálicas.