João Pessoa 29.13ºC
Campina Grande 26.9ºC
Patos 31.58ºC
IBOVESPA 119622.85
Euro 5.8046
Dólar 5.4176
Peso 0.006
Yuan 0.7466
Deputado Cabo Gilberto acusa Rede Globo de gravar vídeo ensinando a fazer atentado terrorista contra Bolsonaro.
17/07/2022 / 15:27
Compartilhe:

O deputado estadual Cabo Gilberto sacudiu as redes sociais nas últimas horas ao criticar neste sábado (16) uma suposta produção audiovisual em que o presidente Jair Bolsonaro aparece ferido ao lado de uma motocicleta.

Canais da direita entraram em ebulição por causa de uma imagem controversa. Jair Bolsonaro aparece usando a faixa presidencial caído no chão, ao lado de uma moto, após aparentemente ser alvejado enquanto pilotava.
Há sangue no pescoço e na camisa.

Trata-se de um sósia representando o presidente da República no filme ‘A Fúria’, do diretor Ruy Guerra. A sequência do atentado em uma motociata, com sangue cenográfico, teve repercussão bombástica nos perfis bolsonaristas

Cabo Gilberto pediu uma investigação sobre quem teria produzido e financiado o projeto.

Veículos de imprensa nacional como o Poder360 apurou que o próprio presidente teria compartilhado em aplicativo de mensagens fotos da suposta gravação e as atribuiu à emissora Globo.

Procurada, a Rede Globo negou em nota enviada à reportagem que as imagens da produção sejam da empresa. A emissora informou se tratar de um filme do cineasta Ruy Guerra chamado “A Fúria”, que encerrará a trilogia iniciada com “Os Fuzis”, de 1964, e “A Queda”, de 1978.

Segundo apoiadores do presidente, seria a simulação de um atentado contra o chefe do Executivo em uma motociata –passeio de moto que o presidente faz com apoiadores.

“Tentaram matar Bolsonaro uma vez e não conseguiram, agora, até ensaiam como fazer”, disse o deputado Cabo Gilberto.

A postagem já havia recebido até as 14h45 minutos deste domingo 10.501 curtidas e quase 3 mil comentários no Instagram do deputado paraibano.