João Pessoa 25.13ºC
Campina Grande 21.9ºC
Patos 26.2ºC
IBOVESPA 124388.62
Euro 5.5905
Dólar 5.2864
Peso 0.0061
Yuan 0.7304
Edital no valor de R$ 780 mil auxiliará agentes da cultura em João Pessoa
31/03/2021 / 11:56
Compartilhe:

Um edital no valor de R$ 780 mil será lançado, em João Pessoa, para contemplar artistas e agentes da cultura afetados pelas medidas restritivas impostas pela pandemia de Covid-19. O anúncio foi feito pelo prefeito da Capital, Cícero Lucena, e pelo diretor presidente da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope), Marcus Alves, na manhã desta quarta-feira (31), durante live.

Cerca de 1.300 trabalhadores do setor serão beneficiados com um auxílio no valor de R$ 600, dividido em duas parcelas de R$ 300.

A proposta contempla artistas da música, artes cênicas, literatura, artes visuais, audiovisual, entre outros.

O recurso é resultado de verbas realocadas pela Funjope e que, anteriormente, seriam utilizadas em apresentações culturais. Segundo o prefeito, esses eventos ficaram impossibilitados de acontecer em razão da pandemia e, agora, o valor beneficiará os trabalhadores do setor – um dos mais prejudicados pelas restrições sanitárias.

O apoio é exclusivo para artistas e trabalhadores que sejam moradores de João Pessoa há pelo menos dois anos. Todos deverão apresentar comprovante atualizado de endereço. O edital e os formulários estarão disponíveis no Portal da Prefeitura Municipal de João Pessoa, no endereço: https://transparencia.joaopessoa.pb.gov.br/#/licitacoes?id=2682.

INSCRIÇÕES

As inscrições devem ser feitas preferencialmente através do endereço eletrônico [email protected]; ou pelo link: https://forms.gle/HMmAphknrXhEkJF39.

O prazo tem início às 8h do dia 05 de abril e termina às 23h59 do dia 12 de abril de 2021.

De forma presencial, o interessado deve comparecer à sede da Funjope, de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h, junto ao Protocolo Geral – Rua Duque de Caxias, 352, Centro, João Pessoa. O horário de inscrição presencial pode ser alterado, caso a PMJP estabeleça novas medidas restritivas de combate à pandemia da Covid-19, como alteração do horário de funcionamento das repartições públicas.