João Pessoa 24.13ºC
Campina Grande 20.9ºC
Patos 21.68ºC
IBOVESPA 127411.55
Euro 5.5581
Dólar 5.1225
Peso 0.0058
Yuan 0.7076
ELEIÇÕES 2022: Coronel Euller apresenta documentação e nega candidatura impugnada pelo MPE
22/08/2022 / 17:36
Compartilhe:

O ex-Comandante Geral da Polícia Militar da Paraíba e candidato a deputado estadual, Coronel Euller Chaves desmentiu a notícia que tem circulado na imprensa local, nesta segunda-feira (22), de que sua candidatura teria sido impugnada pelo Ministério Público Eleitoral (MPE).

O Euller explicou, através de nota, que o órgão apontou a falta de comprovação do afastamento do cargo efetivo dele como militar, por isso pediu a impugnação da sua candidatura, mas a documentação que estava pendente foi apresentada.

De acordo com o candidato, o desligamento só poderia ocorrer após as convenções partidárias, o candidato explicou que solicitou o afastamento das suas funções como militar no dia 06 de agosto e apresentou a documentação ao MPE, resolvendo, assim, a pendência apontada pelo órgão.

Veja nota:

NOTA À IMPRENSA

Está circulando na imprensa, nesta segunda-feira (22), notícia sobre a impugnação de nossa candidatura em virtude de uma suposta divergência de dados em nosso registro junto à Justiça Eleitoral.

Ocorre que o Ministério Público Eleitoral (MPE) faz a verificação de todas as candidaturas, conferindo documentos pessoais e partidários que comprovem os critérios para cada pessoa concorrer às eleições. Conosco não foi diferente.

Ao analisar nossa documentação, o MPE apontou a falta de comprovação do afastamento das funções militares, motivo pelo qual pediu a impugnação da candidatura. Contudo, o afastamento só poderia ocorrer após as convenções partidárias, depois da devida comprovação da escolha do nome do Comandante Euller por parte do nosso partido (PSD).

Para deixar claro, o afastamento ocorreu normalmente, no dia 06 de agosto, dentro do prazo permitido e conforme o processo legal.

Para resolver essa pendência junto ao MPE, reunimos os documentos anteriormente apresentados e o Boletim da PM que comprova o afastamento na data supracitada.

Ficamos felizes em ver que o MPE está atento aos detalhes do processo eleitoral e isso nos dá ainda mais segurança de que, realmente, apenas os que atenderem a todos os critérios estabelecidos terão suas candidaturas homologadas pela Justiça Eleitoral.

COMANDANTE EULLER – CANDIDATO A DEPUTADO ESTADUAL