25.1 C
João Pessoa
23.9 C
Campina Grande
9.5 C
Brasília

Investimentos em tecnologia diminuem tempo de desligamento programado de energia

Nesse tipo de interrupção no serviço, os clientes são comunicados com antecedência por cartas, avisos em rádio, carros de som e pelo site

Para garantir uma maior qualidade no fornecimento de energia aos seus clientes, assim como acompanhar o desenvolvimento populacional, serviços, agronegócio e indústrias, a Energisa realiza, constantemente, obras e reparos no sistema elétrico. Por questões técnicas e de segurança, algumas vezes é necessário realizar uma suspensão temporária na rede, também chamada de desligamento programado. Com a adoção de tecnologias e equipamentos modernos, a duração média desses desligamentos tem sido cada vez menor.

Em 2020, por exemplo, a duração média dos desligamentos programados na Paraíba teve uma redução de 15% nos municípios atendidos pela Energisa Borborema (EBO) e 9% nos municípios atendidos pela Energisa Paraíba (EPB), em relação a 2019. Atualmente, há desligamentos que chegam a durar menos de uma hora e, em alguns casos, sequer é necessário desligar a energia do cliente, com as equipes trabalhando com a rede ligada, serviço conhecido como Linha Viva.

Leia Também

“É fundamental a realização de obras e manutenções para manter o sistema em operação de forma confiável e segura. Mas, ao mesmo tempo que precisamos fazer esses serviços, pensamos no nosso cliente que será impactado. Dessa forma, estamos sempre buscando métodos, alternativas, equipamentos e tecnologias para minimizar esses impactos. Prova disso é que a duração média dos desligamentos reduziu. Mas, é muito importante que todos saibam que os desligamentos programados são realizados porque estamos trabalhando para melhorar a qualidade dos serviços”, explica Christiano Ventura, gerente de Operação da Energisa na Paraíba.

Quando ocorre esse tipo de interrupção no fornecimento de energia, os clientes são comunicados com, pelo menos, 72 horas de antecedência, por meio do site (www.energisa.com.br), de cartas, avisos em rádio e carros de som. Assim, os clientes podem se programar para o intervalo em que a rede elétrica estará desligada.

“Os desligamentos programados acontecem com hora marcada e previsão de finalização também determinada, envolvendo uma região específica onde a obra será realizada. Além de melhorias na rede elétrica, assegurando o conforto de nossos clientes, o desligamento também serve para dar segurança ao colaborador em campo durante a atuação”, explica Danielly Formiga, gerente de Construção e Manutenção da Energisa.

A gerente de Manutenção reforça que os investimentos na modernização do sistema elétrico são constantes, e buscam diminuir, ainda mais, a necessidade de desligamentos programados durante execução de obras e manutenções. Só para este ano de 2021, estão previstos investimentos de cerca de R$ 181 milhões em obras de manutenção e prevenção, além de iniciativas de modernização da rede elétrica.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

#PUBLICIDADE#

Mais Lidas

15 possíveis temas de redação para o Enem 2022

O Portal Nacional da Educação divulgou uma lista com os possíveis temas de redação para as provas do Exame...

DATAVOX: João Azevêdo lidera com 40,7% das intenções de voto na 1ª pesquisa para governo da PB em 2022

Realizada em parceria entre o Instituto Datavox e o portal PB Agora, a pesquisa aponta o deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) em segundo lugar, com 14,2%. Em seguida vem o senador Veneziano Vital (MDB), com 6,6%, o ex-prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT) com 5,9%, Nilvan Ferreira (PTB) com 3,2% e a vice-governadora do estado, Lígia Feliciano (PDT) com 1%. Indecisos somam 20,3%, enquanto brancos e nulos representam 8,1%.

Vídeo: Presidente da Assembleia de Deus em Campina Grande chama fiéis de “lixo”

Mulheres cristãs que usam brinco e calças apertadas são um "lixo", pelo menos na visão do pastor e presidente da Assembleia de Deus em...

Juliette vira personagem de jogo online desenvolvido por estudante paraibano

“Tenho trabalhado cerca de 6 horas por dia no jogo, todos os dias. Criando o conceito, desenhos, animações, programação e gravando, editando pra postar no Instagram. [Na vida real] é lógico que ela vai sair campeã da casa, a quantidade de cactos [apelido dos fãs da participante] só vai aumentar e ela vai continuar sendo o fenômeno que é, mesmo após o fim do programa”, explica o estudante. 

Pastor da primeira-dama Michelle Bolsonaro declara apoio a Sérgio Queiroz

O pré-candidato ao Senado pelo PRTB, Sérgio Queiroz, recebeu mais um apoio nacional. O pastor da primeira dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, Josué Valandro...
#PUBLICIDADE#

ACHAMOS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

#PUBLICIDADE#