João Pessoa 24.13ºC
Campina Grande 20.9ºC
Patos 23.5ºC
IBOVESPA 121341.13
Euro 5.8132
Dólar 5.4301
Peso 0.006
Yuan 0.748
João Batista Barbosa toma posse como novo desembargador do TJPB
09/03/2023 / 06:58
Compartilhe:

O Pleno do Tribunal de Justiça da Paraíba escolheu na sessão administrativa desta quarta-feira (08.03) o juiz João Batista Barbosa para compor a corte de justiça na vaga do desembargador Luiz Sílvio Ramalho Junior, que se aposentou no mês de fevereiro passado. A escolha foi pelo critério de antiguidade e a aprovação foi por unanimidade.

“Sei o quanto é difícil substituir o ínclito desembargador Luiz Sílvio Ramalho Júnior. Homem probo, que por muitos anos serviu com galardia o Judiciário paraibano”, afirmou em seu discurso o desembargador João Batista Barbosa.

Segundo ele, o grande desafio será o de dar conta dos quase 7 mil processos ativos em seu gabinete. “Não se pretende questionar o motivo de tantos processos ativos em um só gabinete. Meu estilo de trabalho consiste no esforço inafastável de remover todas as pedras que estiveram no caminho até que se consiga alcançar o razoável e, depois, o ótimo”, pontuou.

Natural de Gurinhém, João Batista Barbosa foi aprovado em 2º lugar no 45º concurso público realizado pela Corte de Justiça paraibana. Em 1987, assumiu a titularidade de juiz de direito da comarca de Remígio. No ano seguinte foi removido para a comarca de Rio Tinto e, posteriormente foi promovido (por merecimento) para a comarca de Araruna (1988) onde permaneceu até o início de 1992. Antes de vir para João Pessoa, atuou ainda nas comarcas de Mamanguape e Campina Grande (1995), sendo removido para a capital em 1996, atuando no Juizado Especial Cível, 15ª Vara Cível e Primeira Turma Recursal Permanente.

Em diversas ocasiões, por convocação do tribunal, substituiu os desembargadores Júlio Aurélio Moreira Coutinho, Jorge Ribeiro da Nóbrega, Luís Sílvio Ramalho Júnior, Maria das Neves do Egito Duda Ferreira, José Di Lorenzo Serpa Filho, Márcio Murilo da Cunha Ramos, Saulo Henrique de Sá e Benevides, Maria das Graças Morais Guedes, Frederico Martinho da Nóbrega Coutinho, José Aurélio da Cruz, João Alves da Silva, Abraham Lincoln da Cunha Ramos, Maria de Fátima Moraes Bezerra Cavalcanti Maranhão, Arnóbio Alves Teodósio, Carlos Martins Beltrão, João Benedito da Silva e Joás de Brito Pereira Filho.

Atuou, ainda, como membro efetivo do Tribunal Regional Eleitoral, no biênio 2010/2012, tendo sido corregedor regional eleitoral e vice-presidente do Colégio Permanente de Corregedores Eleitorais.