João Pessoa 28.13ºC
Campina Grande 25.9ºC
Patos 34.11ºC
IBOVESPA 126166
Euro 5.9102
Dólar 5.4576
Peso 0.0059
Yuan 0.7508
Mansão de donos da Braiscompany volta a ser leiloada nesta segunda-feira (20)
20/11/2023 / 08:43
Compartilhe:

Proprietários da Braiscompany, Antônio Ais Neto e Fabrícia Ais, terão uma mansão avaliada em R$ 2,8 milhões e uma casa avaliada em R$ 150 mil leiloadas. O leilão virtual está marcado para esta segunda-feira (20), às 9h. Os bens foram confiscados devido a acusações de golpes com pirâmides financeiras de criptomoedas.

MANSÃO

A mansão, localizada em Lagoa Seca, Agreste paraibano, possui quatro suítes, garagem para quatro carros, espaço fitness, elevador, espaço gourmet, deck, solarium, depósito, piscina coberta e um sótão, com área construída de 465,09 m², em condomínio fechado.

CASA

A casa em Campina Grande, incluída no mesmo leilão, possui terraço, sala de estar, cozinha, dois quartos sociais, área de serviço, quintal murado e uma área de 42,00 m².

Ambos os imóveis foram retirados do último leilão da Braiscompany em agosto, mas agora voltam a ser leiloados.

INVESTIGAÇÃO

As investigações contra a empresa, que tiveram início em fevereiro de 2023 com a Operação Halving da Polícia Federal, tinham como objetivo combater crimes relacionados ao sistema financeiro e ao mercado de capitais. A Braiscompany atraía investidores ao prometer um retorno mensal de 8% em criptomoedas. No entanto, devido a atrasos nos pagamentos, a empresa passou a ser suspeita de envolvimento em um golpe milionário envolvendo criptomoedas. Atualmente, os sócios encontram-se foragidos.