João Pessoa 23.13ºC
Campina Grande 21.9ºC
Patos 23.38ºC
IBOVESPA 124729.4
Euro 5.6025
Dólar 5.1645
Peso 0.0058
Yuan 0.7135
Mudanças de hábitos alimentares na pandemia
30/08/2022 / 15:39
Compartilhe:

Ter bons hábitos alimentares é fundamental para a manutenção da saúde física e mental. Os produtos alimentícios fabricados pela indústria dominaram e ainda fazem parte da vida de muitas pessoas.

Isso se dá por conta da correria do dia a dia, principalmente de quem trabalha fora, e acaba preparando alimentos rápidos e fáceis, mas com baixa qualidade e pouco valor nutricional.

De vez em quando, não tem problema nenhum comer um fast-food, um prato congelado ou fazer uma refeição mais rápida, o problema é quando esse tipo de alimento começa a fazer parte do cotidiano.

O corpo humano precisa de nutrientes que fortalecem o sistema imunológico e colaboram com o bom funcionamento dos órgãos, caso contrário, vários problemas de saúde começam a aparecer, desde os mais simples até os mais graves.

Durante a pandemia, as pessoas se viram diante de uma mudança de estilo de vida muito grande, principalmente porque muitos passaram a estudar e trabalhar em casa.

Sobrou tempo para preparar cuidadosamente os alimentos e muitos perceberam a necessidade de fortalecer o organismo, por conta da contaminação.

Neste artigo, veja como a pandemia influenciou na alimentação mais saudável, a importância de comer equilibradamente e confira algumas dicas de alimentos saudáveis.

Como a pandemia mudou a alimentação

Estudos e análises mostraram que durante a pandemia houve um aumento generalizado no consumo de frutas, hortaliças e feijão, ao mesmo tempo, nas regiões norte e nordeste do país, ocorreu o aumento de alimentos ultraprocessados.

São produtos alimentícios com alto teor de ingredientes prejudiciais para a saúde de muitas maneiras, dentre eles estão:

  • Açúcares;
  • Sais;
  • Adoçantes;
  • Corantes;
  • Aromatizantes;
  • Conservantes.

Enquanto muitos puderam investir em comida fitness gostoso, as regiões mais pobres do país e com pessoas de baixa escolaridade acabaram adotando um comportamento alimentar contrário.

Uma das possibilidades relacionadas à intensificação do consumo de alimentos ultraprocessados pode ser o aumento da publicidade durante esse período.

No entanto, os alimentos industrializados favorecem o surgimento de doenças crônicas que tornam a letalidade da covid 19 muito maior.

Por outro lado, consumir alimentos in natura ou minimamente processados é fundamental para fortalecer os mecanismos de defesa do corpo.

As mudanças nos hábitos alimentares para melhor podem ser explicadas por conta do modo como a pandemia influenciou na rotina das pessoas, estimulando-as a cozinhar mais e a consumirem refeições dentro de casa.

Os indivíduos também perceberam a necessidade de melhorar a alimentação para favorecer as defesas imunológicas. Só que mais do que melhorar o sistema imunológico, alimentos saudáveis trazem muitos outros benefícios.

Importância de uma alimentação equilibrada

O principal objetivo em estabelecer uma alimentação equilibrada é fazer com que o organismo tenha acesso a todos os nutrientes necessários para que se mantenha saudável e com o funcionamento adequado.

Produtos como açai para exportação são mais benéficos para o corpo, principalmente em uma época em que ter qualidade de vida e se alimentar bem se tornou primordial.

Os indivíduos precisam estar com as condições nutricionais em dia, e com o aporte necessário de nutrientes, além do consumo adequado de água, o sistema imunológico se fortalece.

Além disso, pessoas que se alimentam bem têm mais autoestima, são menos estressadas e ansiosas, dormem melhor e conseguem prevenir vários tipos de doenças, como anemia, problemas renais, hipertensão e até câncer.

Não existem alimentos que tornam as pessoas totalmente imunes a doenças provenientes de vírus e bactérias, no entanto, o sistema imunológico vai se fortalecer e combater os problemas de saúde com mais facilidade.

É fundamental para a saúde do corpo aumentar o consumo de frutas, verduras, legumes, fibras, alimentos integrais e beber, pelo menos, 2 litros de água por dia.

Ao mesmo tempo, é necessário reduzir o consumo de alimentos ricos em gorduras saturadas, frituras, embutidos, industrializados e fast foods.

É muito melhor consumir salgados assados congelados para revenda do que salgados fritos ou alimentos ricos em açúcares. Além disso, algumas vitaminas ajudam a prevenir o desenvolvimento de doenças.

Dentre as principais estão a vitamina A, Vitamina C, Vitamina E e minerais como o zinco. Consumir esse tipo de alimento também ajuda a preservar a saúde do intestino, visto que ele é importante para o sistema de defesa.

Para favorecer o funcionamento intestinal, consuma iogurte, coalhada, kefir e kombucha, pois eles possuem bactérias benéficas que ajudam a equilibrar a microbiota.

Quanto às quantidades de alimentos, isso depende de cada pessoa, por isso, a melhor coisa é procurar as orientações de um nutricionista. Mesmo assim, existem algumas maneiras fáceis de melhorar a alimentação.

Dicas de alimentos saudáveis

Entrar em contato com um delivery verduras e fazer uma boa compra é fundamental para cuidar da saúde de toda a família. Esses alimentos fazem parte de uma alimentação correta, capaz de fornecer todos os nutrientes essenciais para o corpo.

A saúde estará sempre equilibrada, tendo em vista que o organismo vai consumir proteínas, carboidratos, gorduras, vitaminas e minerais importantes para seu funcionamento.

Além de comer de maneira equilibrada e saudável, é fundamental praticar atividade física regularmente. Lembre-se também de que a comida influencia não apenas a saúde física, como também o humor e o nível de energia das pessoas.

Assim sendo, procure ingerir alimentos que realmente consigam entregar todos os nutrientes que seu corpo precisa.

Mas, para alcançar uma alimentação realmente equilibrada, é necessário incluir um alimento de cada grupo alimentar em suas refeições, sendo os cereais integrais, leguminosas, alimentos de origem animal, frutas e verduras.

Dentre as melhores opções de alimento está o salmão, um peixe que possui quantidades significativas de ômega 3 e vitaminas. O tomate, por sua vez, possui muita água, portanto, é diurético.

Um picolé gourmet de manga traz as vitaminas presentes nessa fruta, mas para consumir absolutamente todos os nutrientes que seu corpo precisa, nada melhor do que o ovo.

O leite é uma fonte de cálcio e o consumo frequente de versões com pouca gordura é fundamental para proteger os ossos. Para quem está de dieta, uma excelente opção é o aspargo, pois possui baixo teor calórico, além de ser rico em fibras, minerais e vitamina E.

A maçã é uma excelente fonte de fibras solúveis e insolúveis, além de contar com nutrientes de função antioxidante. O ideal é consumir a maçã com a casca, que deve ser previamente higienizada.

Para favorecer o funcionamento intestinal, nada melhor do que a aveia. Ela também é fonte de proteínas, vitaminas e minerais do complexo B, E e zinco, além de ser antioxidante e natural.

Mas, mesmo consumindo todos esses alimentos, é muito importante ter um filtro de água em casa para manter o corpo sempre hidratado. Mas com relação à aveia, sua injeção diária ajuda a reduzir o colesterol no sangue.

Uma das frutas mais importantes para o organismo é o abacate, pois é rico em gorduras monoinsaturadas, um tipo de gordura muito benéfico para a saúde.

O abacate também é rico em vitaminas B, K, E e possui um alto teor de fibras, o que favorece o funcionamento do intestino.

Ao fazer seus lanchinhos entre as refeições, uma boa dica são as amêndoas, pois elas são fontes de proteína, magnésio, fibra alimentar e fósforo. A proteína é muito importante para o funcionamento estrutural das células do corpo.

Isso significa que consumir amêndoas diariamente vai trazer muitos benefícios para o organismo, assim como as verduras de folha verde. Vegetais folhosos de cor verde, como o espinafre, rúcula e alface, são ricos em nutrientes para a saúde.

Eles combinam tanto com hambúrguer artesanal de frango empanado quanto com uma receita fitness, fornecendo minerais importantes para o corpo, como o zinco, fósforo, magnésio, ferro e potássio.

Além disso, são fontes excelentes de fibras e vitaminas, como no caso da couve, muito indicada para quem tem intestino preso e deseja equilibrar o funcionamento do órgão.

Por fim, o azeite de oliva pode ser usado para dar um toque final aos pratos e traz muitos benefícios para a saúde, inibindo o surgimento de radicais livres, além de ser um verdadeiro aliado para combater doenças.

Ele pode substituir o óleo durante o preparo dos alimentos, trazendo uma versão melhor do que você come, assim como no caso de um pastel de frango assado.

Considerações finais

Cuidar bem da saúde é papel de cada um, e a melhor forma de fazer isso, é comendo de maneira correta, dando preferência a alimentos saudáveis, como as frutas, legumes e verduras.

Os alimentos que mostramos ao longo deste conteúdo devem ser incluídos em suas refeições diárias. Ao longo do tempo, você vai se sentir muito mais disposto e protegido contra doenças provocadas por vírus e bactérias.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.