João Pessoa 25.13ºC
Campina Grande 23.9ºC
Patos 25.81ºC
IBOVESPA 127411.55
Euro 5.5733
Dólar 5.1531
Peso 0.0058
Yuan 0.7116
Nova diretoria toma posse no Instituto Cândida Vargas
25/01/2022 / 10:47
Compartilhe:

O Instituto Cândida Vargas (ICV) tem nova diretoria a partir desta terça-feira (25). A solenidade aconteceu durante a manhã e foi acompanhada pelo vice-prefeito Leo Bezerra (Cidadania). Agora, o novo diretor-geral da maternidade é o médico Marcelo Gaudêncio e a nova diretora técnica é a médica Céres Pauliena Bandeira.

“Estamos em um trabalho incansável de garantir o melhor serviço de saúde para a população de João Pessoa. Hoje é um dia especial e quem assume hoje tem uma responsabilidade muito grande, de tocar um hospital tão importante para a história desta cidade e que vinha sendo maltratado pelas últimas gestões. Peço total dedicação e o melhor tratamento possível a cada pessoa que procurar atendimento. É preciso cuidado permanente e humano”, afirmou Leo Bezerra.

O novo diretor-geral, Marcelo Gaudêncio, se disse honrado em assumir o cargo e agradeceu a confiança da gestão. “Estou nesta casa há 24 anos como plantonista e tenho muito orgulho de pertencer a esta instituição. Estou ciente do desafio, mas confio na colaboração desta equipe de alto padrão. Me comprometo a agir com probidade e respeito”, declarou.

A nova diretora técnica contou que o trabalho desenvolvido será para oferecer um excelente serviço à população. “Expectativa enorme, sabendo que é um desafio grande quanto essa expectativa, que a gente tem que valorizar tudo que já foi feito nesta casa, que é a maior maternidade da Paraíba e não esquecendo o trabalho dos anteriores, mas com certeza focada na melhora, na mudança, oferecendo a melhor assistência que as mulheres podem ter”, afirmou Céres Pauliena Bandeira.

A secretária de Saúde da Capital, Margareth Diniz, falou de sua relação afetiva com o Instituto. “Sei da importância deste hospital para a cidade, que se tornou referência por trabalhar de forma qualitativa. Com certeza as coisas vão continuar avançando e este é o foco de todos nós”, afirmou.

Marcelo Gaudêncio é formado em medicina pela UFPB, com residência médica e especialidade em obstetrícia e ginecologia. Ele ainda foi professor assistente da área na faculdade Unipê, onde também supervisionou o internato e residência em obstetrícia e ginecologia.

Céres Pauliena Bandeira é formada em medicina pela Universidade Federal do Amapá (Unifap) e em nutrição pela UFPB, com pós-graduação em terapia intensiva pela Associação de Medicina Intensiva Brasileira – em curso. Ela foi professora em ginecologia e obstetrícia pré-natal na Faculdade de Medicina Nova Esperança e atuou em maternidade, hospital e em uma UPA.

Galeria