28.1 C
João Pessoa
22.9 C
Campina Grande
23.5 C
Brasília

Novo Normal: Paraíba tem a maior participação percentual da bandeira vermelha em 21 avaliações

A Secretaria Estadual de Saúde (SES) divulgou, nesse sábado (20), a 20ª avaliação do Plano Novo Normal Paraíba (PNNPB), que passa a vigorar nos 223 municípios paraibanos a partir desta segunda-feira (22). A análise aponta que 7% (15) dos municípios paraibanos estão em bandeira vermelha, a maior participação percentual desta classificação em todas as avaliações. 92% (205) municípios figuram em bandeira laranja; apenas 3 municípios da Paraíba encontram-se na bandeira amarela e nenhum em bandeira verde.

A avaliação apresenta 1% dos municípios da Paraíba em bandeira amarela, o que configura uma redução expressiva em relação à 19ª avaliação, que detinha a menor participação desta bandeira desde o início dos ciclos avaliativos do PNNPB, em junho de 2020. Ao todo, três municípios tiveram transição da bandeira amarela para a bandeira laranja e outros dois transitaram da bandeira laranja para a bandeira amarela. A bandeira verde teve sua participação mantida em 0% dos municípios paraibanos, marca observada apenas no 2º estudo do plano.

Leia Também

A avaliação é realizada a cada 15 dias e tem como base de indicadores a quantidade de casos de Covid-19, a mortalidade, o índice de adesão ao isolamento social e a ocupação de leitos hospitalares. A divisão por cores norteia as atividades quem podem ser realizadas em determinado município, sendo verde a indicação de mobilidade livre e o vermelho de mobilidade impedida. As avaliações e orientações estão disponíveis em https://paraiba.pb.gov.br/diretas/saude/coronavirus/novonormalpb

De acordo com o secretário executivo de saúde do Estado, Daniel Beltrammi, a literatura científica internacional aponta que os reflexos da adoção de comportamentos de alto risco, como o abandono do uso de máscaras e a ocorrência de atividades com grandes aglomerações, majoritariamente entre a população das faixas etárias de 19 a 59 anos afetam os indicadores utilizados pelo Plano Novo Normal no prazo de uma semana. “Os esforços para que se contenham as evoluções da situação pandêmica para pior devem ser mantidos e dependem da decisão de cada uma das pessoas em seguir protegendo suas vidas por meio dos métodos e comportamentos reconhecidamente efetivos para conter a disseminação do novo coronavírus”, enfatiza Beltrammi.

Na tentativa de frear a cadeia de transmissão do vírus, o Governo do Estado adotou medidas por meio do Decreto 41.086 de 09/03/2021, que passou a vigorar entre os dias 11/03/2021 e 26/03/2021. As iniciativas são dedicadas a atenuar os riscos oriundos da rápida deterioração do cenário epidemiológico da pandemia na Paraíba mostram-se de extrema importância sanitária e social, posto que o crescimento rápido e expressivo do número de casos.

Já são mais de 140 leitos ativados nos últimos dias, que receberão ainda maior reforço com a ativação de mais 147, nos próximos 15 dias, totalizando 287 leitos ativos para a Covid-19. Entre estes 287 novos leitos ativos estão 78 de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), 161 de enfermaria e 48 unidades de decisão clínica. “Apesar dos esforços, é preciso lembrar à população de que nenhum leito hospitalar novo substitui em importância as medidas de proteção à vida. Os profissionais de saúde estão exaustos, uma vez que atuam na linha de frente há mais de 12 meses”, reforça o secretário executivo.

Dentro do esforço do Estado para combater a disseminação do vírus, está a vacinação contra a covid-19. A Paraíba entra em uma nova fase ampliando o público prioritário para idosos entre 65 e 69 anos e ainda dispõe de 72% das doses necessárias para vacinar os profissionais de saúde paraibanos, porém o secretário destaca que a vacinação não é um passe livre para circulação e descuido da prevenção. “Uma vez vacinada, a população deve continuar seguindo rigorosamente as recomendações quanto à proteção individual e coletiva, que evitarão a disseminação do novo coronavírus para as pessoas que ainda não foram vacinadas, uma vez que o vírus ainda pode ser transportado por pessoas que receberam o imunizante”, finaliza o Beltrammi.

A análise crítica desta 21ª avaliação do Plano Novo Normal mantém e ratifica a recomendação de máxima atenção dos gestores e autoridades sanitárias municipais no sentido de garantir o monitoramento efetivo dos indivíduos com sintomas gripais relacionados à covid-19. Lembrando que em situação de convívio domiciliar, portadores assintomáticos ou sintomáticos leves infectados pelo Novo Coronavírus podem contaminar até 5 outras pessoas, o que justifica este monitoramento próximo e ostensivo pelas equipes da Equipes de Saúde da Família.

Além da ampliação dos leitos e da vacinação, está em atividade ainda a “Operação Previna-se”, um esforço conjunto das forças de segurança pública, Procons e vigilâncias sanitárias, para que se possam ampliar as medidas de fiscalização e acompanhamento das medidas propostas pelo Decreto, já sendo realizadas mais de 150 de ações em todo estado, com especial destaque para os municípios paraibanos em bandeiras laranjas e vermelhas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

#PUBLICIDADE#

Mais Lidas

ENQUETE F5: Se as eleições fossem hoje Pedro Cunha Lima seria o novo governador da Paraíba

O programa F5 da Rádio POP FM realizou uma enquete com os ouvintes e expectadores que acompanharam a transmissão...

DATAVOX: João Azevêdo lidera com 40,7% das intenções de voto na 1ª pesquisa para governo da PB em 2022

Realizada em parceria entre o Instituto Datavox e o portal PB Agora, a pesquisa aponta o deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) em segundo lugar, com 14,2%. Em seguida vem o senador Veneziano Vital (MDB), com 6,6%, o ex-prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT) com 5,9%, Nilvan Ferreira (PTB) com 3,2% e a vice-governadora do estado, Lígia Feliciano (PDT) com 1%. Indecisos somam 20,3%, enquanto brancos e nulos representam 8,1%.

Palco desaba e deixa formandos de medicina feridos na Grande João Pessoa

Duas  pessoas  foram socorridas com traumatismo craniano encefálico (TCE) após parte da estrutura de um palco desabar, no final da tarde deste sábado (21),...

15 possíveis temas de redação para o Enem 2022

O Portal Nacional da Educação divulgou uma lista com os possíveis temas de redação para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem),...

Polícial Rodoviária Federal morre em Cabedelo

A policial rodoviária federal Renata Maia Pimenta, de 42 anos, morreu na noite desta sexta-feira (20) no prédio onde morava em Cabedelo. A informação...
#PUBLICIDADE#

ACHAMOS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

#PUBLICIDADE#