23.3 C
João Pessoa
21.9 C
Campina Grande
8.5 C
Brasília

Pode faltar até garrafas!

A produção nacional até cresceu entre 6% e 7% até o final de 2020, mas devido ao aumento na demanda, esse crescimento foi insuficiente

Devido a pandemia, uma grande parcela de brasileiros está bebendo mais cerveja em casa para passar o tempo. Porém, essa alta repentina na demanda acabou pegando os fabricantes de surpresa, criando um problema: falta de garrafas.

De acordo com o relatório do Banco Credit Suisse, assinado por Marcella Recchia e Henrique Rocha, em 29 de março, fornecedores de garrafas de vidro para indústria brasileira de cerveja terão restrições desse produto até 2023.

Leia Também

A produção nacional até cresceu entre 6% e 7% até o final de 2020, mas devido ao aumento na demanda, esse crescimento foi insuficiente. Em 2023, estima-se um novo incremento na produção, de 8% a 10%, o que deve normalizar o mercado. Enquanto isso não acontece, algumas marcas têm importado o produto ou adaptado a produção.

Segundo o estudo, as produtoras mais impactadas foram a Petrópolis e Heineken. A marca brasileira, foi a mais impactada, o que levou a empresa a desviar a produção para latas de alumínio, já a gigante holandesa administrou parcialmente o problema importando de 25% a 30% de suas necessidades de garrafas de vidro no ano passado a preços 40% acima dos domésticos.

A Ambev, líder do mercado brasileiro, não sofreu esse impacto de escassez de garrafas de vidro e acabou se beneficiando de sua própria produção, já que 44% dos recepientes foram produzidos pela companhia, além de contratos sólidos entre fornecedores.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

#PUBLICIDADE#

Mais Lidas

DATAVOX: João Azevêdo lidera com 40,7% das intenções de voto na 1ª pesquisa para governo da PB em 2022

Realizada em parceria entre o Instituto Datavox e o portal PB Agora, a pesquisa aponta o deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) em segundo lugar, com 14,2%. Em seguida vem o senador Veneziano Vital (MDB), com 6,6%, o ex-prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT) com 5,9%, Nilvan Ferreira (PTB) com 3,2% e a vice-governadora do estado, Lígia Feliciano (PDT) com 1%. Indecisos somam 20,3%, enquanto brancos e nulos representam 8,1%.

15 possíveis temas de redação para o Enem 2022

O Portal Nacional da Educação divulgou uma lista com os possíveis temas de redação para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem),...

Pastor da primeira-dama Michelle Bolsonaro declara apoio a Sérgio Queiroz

O pré-candidato ao Senado pelo PRTB, Sérgio Queiroz, recebeu mais um apoio nacional. O pastor da primeira dama do Brasil, Michelle Bolsonaro, Josué Valandro...

7 carros que serão lançados no Brasil ainda em 2022

Mesmo com restrições causadas pela pandemia, 2021 teve lançamentos “de peso” ao longo do ano, como os SUVs Fiat Pulse, Toyota Corolla Cross, Jeep...

Juliette vira personagem de jogo online desenvolvido por estudante paraibano

“Tenho trabalhado cerca de 6 horas por dia no jogo, todos os dias. Criando o conceito, desenhos, animações, programação e gravando, editando pra postar no Instagram. [Na vida real] é lógico que ela vai sair campeã da casa, a quantidade de cactos [apelido dos fãs da participante] só vai aumentar e ela vai continuar sendo o fenômeno que é, mesmo após o fim do programa”, explica o estudante. 
#PUBLICIDADE#

ACHAMOS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

#PUBLICIDADE#