22.1 C
João Pessoa
20.9 C
Campina Grande
21.5 C
Brasília

Opas vai auxiliar Brasil na compra de medicamentos para intubação

Decisão foi anunciada após reunião de Queiroga com OMS hoje

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou hoje (3) que a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), braço da Organização Mundial de Saúde (OMS), vai auxiliar o governo federal na aquisição de “kits de intubação” para pacientes com covid-19 no Brasil, que se encontra com os estoques reduzidos.

“Colaboramos agora com a Opas para conseguir repor nossos estoques reguladores, de tal sorte que essa operação diária que existe, de fazer o aporte desses insumos para estados e municípios, seja menos sofrida para o Ministério da Saúde, e que crie menos ansiedade na população brasileira”, disse Queiroga, que estimou em 10 dias a chegada dos primeiros itens.

Leia Também

Após se reunir com a diretora da Opas no Brasil, Socorro Gross, na manhã deste sábado (3), em Brasília, o ministro respondeu a perguntas de jornalistas. Ele afirmou que a meta é manter para abril a vacinação diária de 1 milhão de pessoas, e que para isso o Instituto Butantã e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), únicas produtoras no país, garantiram a entrega de 30 milhões de doses.

Queiroga destacou, porém, que a maior dificuldade é ter uma oferta maior de imunizantes, e que por isso tem feito avaliações técnicas, com a colaboração da Opas, para que, “no médio prazo”, fábricas de vacinas para animais sejam convertidas para a produção de imunizantes contra covid-19.

O ministro também afirmou que deve ser ampliada a colaboração das Forças Armadas na distribuição de imunizantes e na aplicação das doses.

 

Da Agência Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

#PUBLICIDADE#

Mais Lidas

Polícial Rodoviária Federal morre em Cabedelo

A policial rodoviária federal Renata Maia Pimenta, de 42 anos, morreu na noite desta sexta-feira (20) no prédio onde...

DATAVOX: João Azevêdo lidera com 40,7% das intenções de voto na 1ª pesquisa para governo da PB em 2022

Realizada em parceria entre o Instituto Datavox e o portal PB Agora, a pesquisa aponta o deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) em segundo lugar, com 14,2%. Em seguida vem o senador Veneziano Vital (MDB), com 6,6%, o ex-prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT) com 5,9%, Nilvan Ferreira (PTB) com 3,2% e a vice-governadora do estado, Lígia Feliciano (PDT) com 1%. Indecisos somam 20,3%, enquanto brancos e nulos representam 8,1%.

Palco desaba e deixa formandos de medicina feridos na Grande João Pessoa

Duas  pessoas  foram socorridas com traumatismo craniano encefálico (TCE) após parte da estrutura de um palco desabar, no final da tarde deste sábado (21),...

15 possíveis temas de redação para o Enem 2022

O Portal Nacional da Educação divulgou uma lista com os possíveis temas de redação para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem),...

VÍDEOS: Troca de tiros é registrada durante sepultamento de líder de organização criminosa

Uma intensa troca de tiros foi registrada na manhã desta segunda-feira, dia 23, durante o sepultamento do traficante conhecido como "Cara de Chinelo", líder...
#PUBLICIDADE#

ACHAMOS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

#PUBLICIDADE#