22.1 C
João Pessoa
20.9 C
Campina Grande
21.5 C
Brasília

Operação notifica 25 estabelecimentos comerciais em João Pessoa neste final de semana

Por enquanto, a notificação é para adequação às normas do decreto. Em caso de recorrência, os empreendimentos podem receber punições, como multa e até fechamento.

A Operação Previna-se, que reúne várias secretarias municipais em parceria com o Governo do Estado, segue fiscalizando estabelecimentos comerciais da Capital, com o objetivo de garantir o cumprimento das medidas preventivas à Covid-19, previstas no último decreto municipal. Entre sábado (27) e domingo (28), foram notificados 25 estabelecimentos para adequação de normas de funcionamento.

Dividida entre duas equipes, que percorreram a Zona Norte e Zona Sul da Capital, os agentes e fiscais de operação identificaram que uma loja de conveniência de um posto de combustível, no bairro do Bessa, estava funcionando fora do horário permitido. Dois depósitos de bebidas e uma barbearia, em Mangabeira, também estavam irregulares porque estavam atendendo em dia não permitido.

Leia Também

Nesse caso, a notificação é para adequação às normas do decreto. Em caso de recorrência, os empreendimentos podem receber punições, como multa e até fechamento. “Não houve maiores intercorrências, entre visitas a pequenos negócios, lojas de conveniência, mercadinhos e supermercados. Apenas orientações gerais”, disse Jocélio Araújo, chefe de fiscalização da Secretaria de Meio Ambiente (Semam).

A Operação é formada pelas secretarias municipais de Desenvolvimento Urbano (Sedurb), Meio Ambiente (Semam), Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP), Segurança Urbana e Cidadania (Semusb), Vigilância Sanitária, além do apoio do Procon Estadual, Corpo de Bombeiros e Polícia Militar.

Decreto – O novo decreto municipal, publicado no Semanário Oficial, é válido até o dia 04 de abril. Os locais que desobedecerem às determinações do decreto estão sujeitos à multa de até R$ 50.000,00 e interdição do estabelecimento por até sete dias. Em caso de reincidência, será ampliado para 14 dias o prazo de interdição do estabelecimento, sem prejuízo da aplicação de multa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

#PUBLICIDADE#

Mais Lidas

Polícial Rodoviária Federal morre em Cabedelo

A policial rodoviária federal Renata Maia Pimenta, de 42 anos, morreu na noite desta sexta-feira (20) no prédio onde...

DATAVOX: João Azevêdo lidera com 40,7% das intenções de voto na 1ª pesquisa para governo da PB em 2022

Realizada em parceria entre o Instituto Datavox e o portal PB Agora, a pesquisa aponta o deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) em segundo lugar, com 14,2%. Em seguida vem o senador Veneziano Vital (MDB), com 6,6%, o ex-prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PT) com 5,9%, Nilvan Ferreira (PTB) com 3,2% e a vice-governadora do estado, Lígia Feliciano (PDT) com 1%. Indecisos somam 20,3%, enquanto brancos e nulos representam 8,1%.

Palco desaba e deixa formandos de medicina feridos na Grande João Pessoa

Duas  pessoas  foram socorridas com traumatismo craniano encefálico (TCE) após parte da estrutura de um palco desabar, no final da tarde deste sábado (21),...

15 possíveis temas de redação para o Enem 2022

O Portal Nacional da Educação divulgou uma lista com os possíveis temas de redação para as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem),...

VÍDEOS: Troca de tiros é registrada durante sepultamento de líder de organização criminosa

Uma intensa troca de tiros foi registrada na manhã desta segunda-feira, dia 23, durante o sepultamento do traficante conhecido como "Cara de Chinelo", líder...
#PUBLICIDADE#

ACHAMOS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

#PUBLICIDADE#