Paraíba ultrapassa 8 mil mortes por Covid-19 e confirma 3.911 novos casos da doença

Também foram confirmados 46 novos óbitos desde a última atualização, sendo 14 ocorridos nas últimas 24h

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) registrou, nesta quinta-feira (10), 3.911 casos de Covid-19. Entre os confirmados hoje, 91 (2,3%) são casos de pacientes hospitalizados e 3.820 (97,7%) são leves. Devido à instabilidade no sistema e-SUS Notifica nos últimos dias, houve um acúmulo no registro de casos. Agora, a Paraíba totaliza 352.264 casos confirmados da doença, que estão distribuídos por todos os 223 municípios.

Também foram confirmados 46 novos óbitos desde a última atualização, sendo 14 ocorridos nas últimas 24h.

Os óbitos confirmados neste boletim aconteceram entre os dias 16 de março e 10 de junho de 2021, sendo 02 em hospitais privados, um em residência e os demais em hospitais públicos. Com isso, o estado totaliza 8.003 mortes. O boletim registra ainda um total de 235.329 pacientes recuperados da doença.

Leia Também

Concentração de casos

Cinco municípios concentram 1.615 novos casos, o que corresponde a 41,29% dos casos registrados nesta quinta. São eles: João Pessoa, com 669 novos casos, totalizando 90.818; Campina Grande, com 607 novos casos, totalizando 31.725; Guarabira, com 136 novos casos, totalizando 8.405; Patos, com 115 novos casos, totalizando 11.884; Cajazeiras, com 88 novos casos, totalizando 8.238.

* Dados oficiais preliminares (fonte: e-sus VE, Sivep Gripe e SIM) extraídos às 10h do dia 10/06/2021, sujeitos a alteração por parte dos municípios.

Óbitos

Até esta quinta, 219 cidades paraibanas registraram óbitos por Covid-19. Os 46 óbitos confirmados neste boletim ocorreram entre residentes dos municípios de Arara (1); Areia (1); Areial (1); Barra de Santa Rosa (1); Barra de Santana (1); Belém (1); Boqueirão (2); Campina Grande (8); Catolé do Rocha (1); Desterro (1); Esperança (2); Frei Martinho (1); Guarabira (2); João Pessoa (8); Lagoa Seca (1); Lucena (1); Mãe d’Água (1); Maturéia (1); Patos (4); Queimadas (1); Santa Inês (1); Santa Rita (1); São João do Rio do Peixe (1); São José de Caiana (1); Sapé (1) e Triunfo (1).

As vítimas são 29 homens e 17 mulheres, com idades entre 24 e 97 anos. Cardiopatia foi a comorbidade mais frequente e 14 não tinham comorbidades.

Ocupação de leitos Covid-19

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico) em todo o estado é de 76%.

Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 73%. Em Campina Grande estão ocupados 78% dos leitos de UTI adulto e no sertão 93% dos leitos de UTI para adultos.

De acordo com o Centro estadual de regulação hospitalar, 91 pacientes foram internados nas ultimas 24h. Ao todo, 977 pacientes estão internados nas unidades de referência.

Os dados epidemiológicos com informações sobre todos os municípios e ocupação de leitos estão disponíveis em: www.paraiba.pb.gov.br/coronavirus

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

#PUBLICIDADE#

Mais Lidas

Festival In-Edit começa nesta quarta com 50 documentários musicais

Toda a programação do festival pode ser consultada no site do In-Edit. Alguns filmes também poderão ser acessados na plataforma do Sesc Digital e no canal Tamanduá com acesso gratuito. Após o dia 28 de junho, 11 filmes nacionais ficarão disponíveis na plataforma Spcine Play, também com acesso gratuito.

Vacinado, João Azevedo começa a mexer peças no tabuleiro

O evento para a entrega de caminhões e equipamentos destinados à agricultura familiar no Centro de Convenções, em João Pessoa, mostrou nesta segunda-feira que após tomar as duas doses de Coronavac o governador João Azevedo quer se reaproximar da sua base política. Não que tenha estado tão distante, mas durante a pandemia as audiências foram suspensas e o contato olho no olho só retornou recentemente após o governador ser totalmente imunizado.

João Azevedo e o mapa de 2022

Esse é o x da questão. Tecnicamente, sua experiência é invejável, já politicamente, sua liderança está em construção, embora tenha passado por testes importantes.  Na fase inicial da gestão, lidou com a operação Calvário que arrastou Ricardo Coutinho e nomes importantes da primeira formação do seu secretariado saindo sem arranhões. O vendaval da operação emendou com a pandemia do Coronavirus e Azevedo após 14 meses fez o dever de casa sem prejudicar a gestão fiscal.

Wilson Santiago propõe pagamento de 12 meses de salário mínimo para desempregados com imposto arrecadado de grandes fortunas

Terá direito ao benefício, de um salário mínimo mensal, a pessoa comprovadamente desempregada, e obrigatoriamente inscrita em cursos de formação e capacitação profissional, com duração de até 12 meses. A proposta em análise na Câmara dos Deputados prevê a criação, por meio de lei complementar, do Imposto sobre Grandes Fortunas (IGF). O projeto tramita em caráter conclusivo e será analisado pelas comissões de Trabalho, de Administração e Serviço Público; de Finanças e Tributação; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Botijão do gás de cozinha chega a R$ 95 em João Pessoa; veja preços por bairro

Os maiores preços foram encontrados no Depósito Pecorelli (Jaguaribe), Beto Gás (Monsenhor Magno/Valentina), Gravatá Gás (Boa Esperança/Valentina), Real Gás (Bancários) e Log Gás (Geisel).
#PUBLICIDADE#

ACHAMOS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

#PUBLICIDADE#