João Pessoa 25.13ºC
Campina Grande 23.9ºC
Patos 24.37ºC
IBOVESPA 124495.68
Euro 5.6119
Dólar 5.1728
Peso 0.0058
Yuan 0.714
Paulo Coelho critica comunicação de Lula
27/03/2023 / 12:19
Compartilhe:

O escritor Paulo Coelho fez críticas ao presidente Lula (PT) em publicação no Twitter, neste domingo, 26.

Apoiador do presidente, Coelho afirmou que o novo mandato está “patético” e que não deveria ter se empenhado durante a campanha do petista.

“Décadas apoiando @LulaOficial, noto que seu novo mandato está patético. Cair na trampa de ex-juiz desqualificado, incapacidade de resolver problema do BC, etc. Não devia ter me empenhado na campanha. Perdi leitores (faz parte) mas não estou vendo meu voto ter valido a pena”, publicou o membro da Academia Brasileira de Letras (ABL).

A postagem foi respondida pelo influenciador e empresário Felipe Neto, que defendeu o presidente: “Paulo, não são nem 90 dias. BC é uma situação ingrata. Erros serão cometidos, devemos criticar e apontar, como tb tenho feito, mas não dá pra se arrepender de ter ajudado a derrotar aquele monstro. Lula ainda vai errar muito, mas não esqueça q o outro era Bolsonaro”.

Paulo Coelho, então, declarou que “não me arrependo de ter derrotado o monstro Felipe. Mas a comédia de erros (citando o bardo) pode fazer com que logo o pessoal comece a perder a paciência. O início e o final são mt importantes – o meio é o meio. E todos temos que saber ouvir críticas”, disse o autor dos best-sellers “O Alquimistae “O Diário de um Mago”. Nesse tweet concordo com tudo”, respondeu Felipe.

Na última semana, em entrevista ao portal Brasil 247, Lula relembrou o período na prisão e afirmou que pensava em vingança contra o ex-juiz e agora senador, Sergio Moro (União Brasil-PR). “De vez em quando ia um procurador, de sábado ou de semana, para visitar, ver se estava tudo bem. Entravam três ou quatro procuradores, e perguntavam ‘tá tudo bem?’ e [eu respondia] ‘não tá tudo bem, só vai estar bem quando eu f… esse Moro’”, afirmou o presidente.

Ao comentar uma operação da Polícia Federal que descobriu um plano do Primeiro Comando da Capital (PCC) contra figuras públicas, entre elas o ex-juiz da Lava Jato, Lula disse que seria uma “armação” de Moro, mas reconheceu que não tem provas.

Lula também fez críticas ao presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, questionando a política adotada pela instituição monetária.

https://twitter.com/paulocoelho/status/1640061118822400001?s=20

https://twitter.com/paulocoelho/status/1640212174290255874?s=20