João Pessoa 27.13ºC
Campina Grande 24.9ºC
Patos 32.91ºC
IBOVESPA 127932.99
Euro 6.0273
Dólar 5.543
Peso 0.006
Yuan 0.7623
Maternidade do ISEA retoma 100% da capacidade elétrica, afirma prefeito
24/01/2023 / 07:13
Compartilhe:

O Instituto de Saúde Elpídio de Almeida (Isea) está com o fornecimento de energia elétrica 100% restabelecido, anunciou o prefeito de Campina Grande, Bruno Cunha Lima, na noite desta segunda-feira (23.01). Ele esteve na unidade vistoriando a conclusão dos trabalhos da equipe de técnicos da prefeitura.

No sábado (21), um apagão elétrico no prédio principal da maternidade provocou à transferência de 22 mães e nove bebês da UTI para outras unidades de saúde do município. Além da falta de energia, o gerador do instituto também não funcionou.

Procuradores do Ministério Público da Paraíba realizaram uma vistoria no Isea e acompanham o caso.

De acordo com a gestão municipal, após um amplo trabalho de engenheiros e técnicos das secretarias de Saúde e de Obras, os reparos foram realizados com materiais novos e adequados e a única ala que ainda estava sem energia, por medida de segurança, foi religada à rede de distribuição.

A prefeitura diz que, no sábado (21), quando houve o curto-circuito em uma fiação subterrânea, as equipes reativaram o funcionamento em 80% do prédio, restando três setores que foram religados no decorrer desta segunda. O último foi a ala reativada na noite de ontem. Os principais serviços, segundo a prefeitura, foram retomados desde o último sábado.

A maternidade pública do Isea é pactuada com 171 municípios para atendimentos de gestação de alto risco. Bruno Cunha Lima anunciou que no prazo de 30 dias, a prefeitura deve apresentar um projeto de reformulação completa do projeto elétrico do prédio.