João Pessoa 23.13ºC
Campina Grande 20.9ºC
Patos 21.51ºC
IBOVESPA 127108.22
Euro 5.8592
Dólar 5.4177
Peso 0.0059
Yuan 0.7446
Presidente do Equador diz que plano de assassinato contra ele foi frustrado
18/06/2024 / 19:27
Compartilhe:
Daniel Noboa

O presidente do Equador, Daniel Noboa, disse que as forças de segurança do país frustraram uma tentativa de assassinato contra ele no início deste ano, segundo entrevista concedida ao jornalista Jon Lee Anderson publicada nesta segunda-feira (18) na revista americana The New Yorker.

+ Receba as notícias do F5Online no WhatsApp

O jornalista afirma que, ao chegar ao primeiro encontro com Noboa em Quito, o presidente permaneceu em silêncio por vários minutos e, quando foi questionado sobre como estava, respondeu: “sobrevivendo”. Em seguida, relatou que era alvo de uma dezena de assassinos, que tinham o objetivo de matá-lo.

Ainda de acordo com o relato do presidente ao jornalista americano, os criminosos teriam tentado entrar no Equador pela fronteira com a Colômbia, mas foram interceptados. Quatro dos possíveis agressores morreram em um tiroteio com as forças de segurança equatorianas e os que sobreviveram foram detidos.

O repórter afirma que um diplomata, que não quis se identificar, confirmou a versão de Noboa e que ficou surpreso com o fato do presidente ter discutido publicamente o incidente. O caso foi descrito como “altamente confidencial”.

Noboa não falou publicamente sobre o plano frustrado, mas informou que sofreu ameaças de morte, assim como a promotora Diana Salazar. “Às vezes conversamos, comparamos ameaças”, disse o presidente em março.

*Com informações da CNN