João Pessoa 22.13ºC
Campina Grande 19.9ºC
Patos 21.11ºC
IBOVESPA 119137.86
Euro 5.7331
Dólar 5.4201
Peso 0.0059
Yuan 0.7471
Racha político em Juru sinaliza reviravolta nas eleições de 2024
27/10/2023 / 17:22
Compartilhe:

A pouco mais de um ano das eleições municipais de 2024, a cidade de Juru, no sertão da Paraíba, está imersa em um clima de suspense e agitação política. Com aproximadamente seis mil eleitores, Juru destaca-se por ser uma das raras cidades governadas por uma prefeita, Solange Félix, mas não é a presença feminina que está no centro das atenções.

O que tem dominado as conversas nas ruas e corredores da prefeitura é o suposto rompimento do grupo político liderado pelo ex-prefeito Luiz Galvão Silva e a ex-primeira dama Dorinha Galvão com a atual mandatária Solange Félix. Luiz Galvão governou Juru de 2013 a 2016 e de 2017 a 2020, sendo uma figura-chave na eleição de Solange Félix em 2021.

De acordo com fontes próximas, a prefeita não conseguiu manter o legado de seu antecessor, enfrentando críticas relacionadas a atrasos nos salários de prestadores de serviços e pagamentos irregulares a fornecedores municipais. Além disso, sua abordagem considerada fechada e centralizadora gerou descontentamento entre a população.

Por outro lado, aliados da prefeita comemoram uma pesquisa que supostamente mostra uma aprovação de mais de 75% de seu governo, acreditando que ela é imbatível em 2024, independentemente do apoio de Galvão. Eles argumentam que Solange representa o novo e que a saúde debilitada de Galvão o impedirá de concorrer.

Por outro lado, aliados de Galvão celebram números de uma pesquisa interna que o coloca em vantagem em uma possível disputa direta com Félix. Enfatizam a fé inabalável de Galvão e sua capacidade de superar desafios.

Além disso, destacam que a aprovação de Galvão é tão forte que, mesmo que ele não concorra, ele teria influência para indicar um candidato e formar uma coalizão com chances reais de vitória. Isso tem deixado a prefeita preocupada, apesar do discurso de invencibilidade de alguns apoiadores nas redes sociais.

Independentemente de quem está certo, é evidente que existe um racha entre o ex-gestor e a atual mandatária. Enquanto aguardamos uma resolução clara, uma coisa é certa: a política é dinâmica e surpreendente, e a cidade de Juru-PB continuará sendo palco de desenvolvimentos interessantes até o próximo ano. Até que o apito final soe, os cidadãos e leitores ficam na expectativa por uma definição sobre o futuro político de Juru-PB.