João Pessoa 23.13ºC
Campina Grande 20.9ºC
Patos 28.11ºC
IBOVESPA 128292.96
Euro 5.9051
Dólar 5.4361
Peso 0.0059
Yuan 0.7491
‘Raiva e ódio não podem ter lugar na política’, defende Nonato Bandeira
28/01/2022 / 11:25
Compartilhe:

Para o secretário de Comunicação do estado, Nonato Bandeira, há muita gente com raiva na política paraibana, o que tem gerado prejuízo no “raciocínio” de alguns parlamentares.

“Tem gente muito nervosa. Duas coisas que não pode ter na política, nervosismo e ódio. A raiva ela encobre os pensamentos e prejudica o raciocínio”, afirmou o jornalista.

Segundo Bandeira, por se tratar de ano eleitoral, alguns setores têm buscado causar ruptura nas relações institucionais construídas pelo governador João Azevêdo (Cidadania), mesmo que isso reverbere em consequências negativas para a população.

Apesar dos ataques que vem sofrendo, diz Nonato, o chefe do Executivo estadual não “demoniza” ninguém. “Nós não demonizamos ninguém, nem endeusamos. Todas as pessoas têm seus defeitos e virtudes e nós precisamos ver o melhor que existe em cada pessoa e em cada liderança política”, disse Bandeira.

Nesta sexta (28), o secretário de Comunicação foi “desafiado” pelo deputado estadual Cabo Gilberto (PSL) para um debate sobre a segurança pública no estado. O pré-candidato ao governo da Paraíba e líder da oposição na Assembleia segue atiçando setores da PM contra o governador João Azevêdo na discussão sobre reajustes salariais.