João Pessoa 22.13ºC
Campina Grande 19.9ºC
Patos 20.01ºC
IBOVESPA 119137.86
Euro 5.7331
Dólar 5.4201
Peso 0.0059
Yuan 0.747
Sustentabilidade do TRT-13 é reconhecida e instituição é a primeira da Capital a receber Selo Verde da PMJP
16/12/2022 / 17:03
Compartilhe:

Encerrando a maratona de atividades e homenagens promovidas nos Fóruns Irineu Joffily, José Carlos Arcoverde Nóbrega e Maximiano Figueiredo, nesta sexta-feira (16) foi a vez do edifício-sede do Tribunal Regional do Trabalho da Paraíba (13ª Região). Servidores, magistrados, representantes da advocacia e da Prefeitura Municipal de João Pessoa participaram de solenidade de entrega do Selo Verde, comenda entregue em decorrência das ações sustentáveis desenvolvidas no Regional. O TRT-13 é a primeira instituição da Capital a ser agraciada com a comenda.

O presidente do Tribunal, desembargador Leonardo Trajano, afirmou que o recebimento do selo atesta o trabalho que vem sendo desenvolvido de forma efetiva no Regional no tocante à sustentabilidade. “A instituição é a primeira a receber o selo verde depois de instituído pela PMJP. Hoje, falar em gestão é estar alinhado com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e atento às práticas corporativas, sociais e ambientais. Na minha ótica, a certificação é a comprovação do trabalho sério e comprometido com um tema tão caro e cada vez mais atual em todo o mundo”, destacou.

De acordo com o secretário de Meio Ambiente de João Pessoa, Welison Silveira, a concessão do selo ao Tribunal foi mais do que merecido. “Parabenizo por todo trabalho de consciência ambiental realizado. O TRT-13 é referência não só pela prestação jurisdicional, mas é exemplo, também, na área de tecnologia, gestão de pessoas e gestão pública como um todo. A certificação traz o reconhecimento. Não é apenas uma congratulação, mas reforça o compromisso com as pessoas”, comentou.

O Selo Verde é uma comenda instituída pela Secretaria de Meio Ambiente (Semam) de João Pessoa e que será entregue para as instituições que desenvolvem ações sustentáveis, de preservação e recuperação do meio ambiente. No TRT-13, entre as ações desenvolvidas ligadas à sustentabilidade estão a instalação de placas fotovoltaicas nas unidades judiciárias; a racionalização do uso da água, redução do uso de papel e copos descartáveis; e a instalação de sensores de presença para a iluminação de locais com movimentação frequente; entre outras.

DSC_0427.JPG