29.8 C
João Pessoa

Cinema

‘Sweet Dreams’ embala novo trailer de House of Gucci; assista

O segundo trailer traz cenas inéditas do longa, embaladas pelo clássico Sweet Dreams (Are Made Of This), originalmente interpretada por Eurythmics, Annie Lennox e Dave Stewart. Segundo produtores, a trilha sonora do filme deve homenagear grandes nomes dos anos 70, 80 e 90. Esta é a segunda protagonista vivida por Lady Gaga no cinema. Depois de ganhar um Globo de Ouro de melhor atriz em 2016 pela série American Horror Story: Hotel e um Oscar de Melhor Canção Original em 2019 pelo clássico moderno "Shallow", a artista se prepara para a temporada dos grandes festivais vivendo Patrizia Reggiani, a "viúva negra" que chocou a alta sociedade italiana em um dos crimes mais escandalosos dos anos 90.

Produtores odiaram abertura com Drew Barrymore e quase cancelaram Pânico

A franquia Pânico será revitalizada com um quinto filme, no qual um novo assassino se apropria da máscara de Ghostface e começa a perseguir um grupo de adolescentes para trazer à tona segredos do passado mortal da cidade. Neve Campbell está de volta como a final girl Sidney Prescott, tal qual Courteney Cox, que estará presente como a repórter Gale Weathers. Os novos integrantes do elenco incluem incluiu Jack Quaid (The Boys), Jenna Ortega (You), Melissa Barrera (Vida), Mason Gooding (Com Amor, Victor) e mais. Pela primeira vez na história da franquia, um filme de Pânico não terá o diretor Wes Craven, que comandou os 4 primeiros filmes. Dessa vez, o filme será dirigido por Matt Bettinelli-Olpin e Tyler Gillertt, dupla que comandou o recente Casamento Sangrento (2019). No roteiro, estão Guy Busick (Casamento Sangrento, Castle Rock) e James Vanderbilt (Mistério no Mediterrâneo, Independence Day: O Ressurgimento). A estreia está marcada para 13 de janeiro de 2022.

Kristen Stewart diz que só fez cinco filmes bons e afirma que ‘maior parte é porcaria’

Dos cinco filmes preferidos, a atriz revelou apenas dois, ambos dirigidos por Olivier Assayas: "Acima das Nuves" (2014) e "Personal Shopper" (2016). Pelo primeiro filme citado, a artista ganhou o troféu de melhor atriz coadjuvante no prêmio César, equivalente ao Oscar do cinema francês. Ela ainda firmou que "[os filmes preferidos] são poucos e distantes entre si". "Isso não significa que me arrependo da experiência [de fazê-los]. Só me arrependo de ter dito 'sim' para uns dois filmes, não pelo resultado, mas por não ter me divertido", explicou. "O pior é quando você está no meio de um trabalho e sabe que não apenas será um filme ruim, mas estaremos todos presos a ele até o fim", completou Stewart.

Bolsonaro veio do esgoto da história, diz Wagner Moura, que agora lança ‘Marighella’

Originalmente, a previsão era que ele chegasse ao público há dois anos, mas a pandemia e um imbróglio envolvendo a Ancine, a Agência Nacional do Cinema, impossibilitaram o lançamento em ao menos duas ocasiões anteriores. Segundo Moura, "Marighella" foi censurado pelo órgão por ser uma biografia de Carlos Marighella, guerrilheiro comunista que lutou contra a ditadura militar. "As negativas da Ancine para o lançamento e, depois, o arquivamento dos nossos pedidos não têm explicação. E isso veio numa época em que o Bolsonaro falava publicamente sobre filtragem na agência", diz ele, em conversa por vídeo, na manhã seguinte à sua volta ao Brasil para a campanha de estreia do longa. Com Seu Jorge na pele do guerrilheiro e escritor, "Marighella" também tem Bruno Gagliasso, Adriana Esteves e Humberto Carrão no elenco e foi exibido no Festival de Berlim de 2019, onde foi aplaudido. Nem assim ganhou força para chegar logo às salas brasileiras. Moura acredita que a resistência que o filme encontrou, vinda também de parte do público, é sintomática dos tempos atuais, de ânimos políticos exaltados e um governo federal que com frequência ataca a cultura. "Qualquer obra é a conjunção do que um realizador pensa e projeta com o tempo em que aquela obra é vista", diz o ator-diretor. "A polêmica de 'Marighella' é muito menos sobre o Carlos Marighella e a luta armada do que sobre o governo Bolsonaro. É um filme sobre um personagem histórico, de seu tempo; Bolsonaro que é um personagem anacrônico."

Cinema dos shoppings Manaira e Mangabeira terá promoção com ingressos a R$ 10

Durante a promoção, o público poderá assistir a estreias como: “Halloween Kills: O Terror Continua” (estreia 14 de outubro) e “Duna” (estreia 21 de outubro), além de filmes em cartaz como: “Venom: Tempo de Carnificina”, “007 – Sem Tempo para Morrer”, “O Último Duelo”, “Amarração do Amor”, entre outros. A promoção acontece em virtude da participação da rede Cinépolis, que opera nos dois shoppings, na campanha “Cinema é 10”, idealizada pela Associação Brasileira das Empresas Exibidoras Cinematográficas Operadoras de Multiplex (ABRAPLEX), que conta com o apoio da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce). O objetivo da campanha é incentivar o público a ir aos cinemas.

Cine Inclusão exibe curtas protagonizados e dirigidos por idosos

Na edição deste ano, a homenageada é a atriz Ruth de Souza (1921-2019), primeira mulher negra a protagonizar uma novela e que completaria 100 anos este ano. Para celebrá-la, o festival vai exibir o curta-metragem A Mãe e o Filho da Mãe, dirigido por Luiz Antonio Pilar. O filme será exibido nesta segunda-feira (18), a partir das 18h. Após a exibição do filme, haverá uma live com a participação do diretor do curta e com o biógrafo da atriz, Ygor Kassab. O Cine Inclusão é composto por duas mostras. A Mostra Competitiva, que exibirá 16 curtas que têm como tema a terceira idade ou apresentam idosos como protagonistas. Nessa mostra, o público vai eleger os três melhores filmes. Um dos destaques é o curta Acende a Luz, dirigido por Paula Sacchetta e Renan Flumian, que trata sobre o sexo na terceira idade.

‘The Batman’, com Robert Pattinson, tem novo trailer divulgado; assista

"The Batman", dirigido por Matt Reeves ("Planeta dos Macacos: A Guerra") tem previsão de estreia para 4 de março de 2022. As gravações do longa tiveram que ser interrompidas algumas vezes após Robert Pattinson e outros integrantes da equipe contraírem a Covid-19. Também integram o elenco os atores Paul Dano, que vai interpretar o vilão Charada, Colin Farrell como o Pinguim, Jeffrey Wright como Comissário Gordon, e a atriz Zöe Kravitz, que será a Mulher-Gato.

Curso de Cinema da UFPB lança chamada para projeto ‘Prata da Casa’

Os produtos culturais fílmicos podem ser compostos de animações, cinema expandido, cinema experimental, curtas-metragens, documentários, ficções, videoarte, videoclipe, videopoesia, vídeo mapping, instalações híbridas, longas-metragens, dentre outros. A ideia é que haja a participação de todos os alunos graduados e graduandos do curso para compor o catálogo. Para isso, eles devem encaminhar seus dados e os de suas obras. É necessário enviar o título da obra, sinopse, ficha técnica, imagens de divulgação, imagens do processo de criação, temática abordada pela obra, gênero e indicação de faixa etária, bem como os dados dos realizadores: nome completo, nome artístico, uma fotografia e uma pequena biografia. Essas informações devem ser encaminhadas, até o dia 11 de novembro, para o e-mail [email protected] ou mediante preenchimento de formulário eletrônico disponibilizado no link https://forms.gle/5PMfghVVJYMVrxw98.

No Oscar 2022, Brasil vai tentar vaga com ‘Deserto Particular’, de Aly Muritiba

A escolha foi feita por uma comissão formada por profissionais do setor. Fazem parte do comitê de seleção o montador Felipe Lacerda, o produtor Leonardo Edde, o crítico Luiz Zanin, a produtora Paula Barreto, a atriz Virginia Cavendish, o diretor Allan Deberton e o diretor e roteirista Belisário Franca. Na disputa, estavam ainda os filmes "7 Prisioneiros", "A Nuvem Rosa", "A Última Floresta", "Cabeça de Nêgo", "Callado", "Carro Rei", "Cavalo", "Doutor Gama", "Limiar", "Medida Provisória", "Meu Nome É Bagdá", "Por que Você Não Chora?", "Selvagem" e "Um Dia com Jerusa". "Deserto Particular" conta a história de Daniel, um ex-policial que mora em Curitiba e tem uma vida infeliz, até que ele parte numa jornada em direção ao sertão baiano à procura de Sara, uma mulher com quem ele desenvolve uma relação amorosa a partir de aplicativos de mensagem. O filme foi exibido no último Festival de Veneza e integra a programação da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, que começa na semana que vem. A estreia de "Deserto Particular" no circuito está marcada para o dia 18 de novembro. A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood, responsável pela entrega do Oscar, marcou sua próxima cerimônia para o dia 27 de março do ano que vem.

Painel Funesc tem edição especial sobre o cinema infantil

A exibição, que faz alusão ao Dia das Crianças, ocorre ao vivo na TV Funesc a partir das 19h30. A jornalista Amanda Falcão mediará a conversa com Bruno Bennec, ator, produtor e diretor. Também participam Ulisses de Farias Freitas, programador e curador independente de cinema, e a pesquisadora e cineasta, Josiane Osório.
- Advertisement -

Latest News

Após vencer prévias, Doria diz ser “possível” aliança com Moro para 2022

“É possível. Eu tenho boas relações com Sergio Moro e tenho respeito por ele, não haveria nenhuma razão para não manter relações com alguém que ajudou o Brasil, com alguém que contribuiu com a Lava Jato, assim como Simone Tebet, uma brilhante senadora, e o senador Rodrigo Pacheco, com boa postura e equilíbrio”, disse o governador de São Paulo, vencedor das prévias tucanas para candidato à Presidência pelo partido neste fim de semana. Doria afirmou já ter entrado em contato com outros pré-candidatos para desenvolver articulações conjuntas visando o próximo ano e expressou desejo de que o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (segundo lugar nas prévias do PSDB) integre a equipe de campanha da sigla nas eleições. 
- Advertisement -

Prefeito de Salvador cancela festa de Réveillon 2022

"Os números de óbitos e internações só fazem cair na nossa cidade. Só que, em um cenário de incertezas e dúvidas, não há como realizar Festival Virada, que é um evento para mais de 250 mil pessoas", afirmou Bruno Reis. "Ainda não é o momento de colocar em risco tudo o que construímos até aqui. Colocamos a vida em primeiro lugar e seguiremos dessa forma", acrescentou o gestor.

Estado paga salários de novembro nesta semana

Essa é a primeira parte do calendário de pagamento de fim de ano anunciado pelo governador João Azevêdo, que vai injetar na economia paraibana R$ 1,4 bilhão nos próximos 26 dias. Além da folha de novembro, serão pagos neste intervalo a segunda parcela do 13° salário, o Abono Natalino para beneficiários do Auxílio Brasil, e a premiação de Mestres da Educação e Escola de Valor, com 14° e 15° salários dos professores.

31 pesquisadores da Capes renunciam coletivamente

Em carta, os cientistas, que são da área de Matemática, Probabilidade e Estatística (Mape), acusam a Capes de não respaldar o trabalho de avaliação desempenhado por eles e criticam a presidência da instituição por não defender a Avaliação Quadrienal da pós-graduação, suspensa por decisão judicial em setembro. As informações são do jornal O Globo. A carta afirma que a instituição tem alterado parâmetros sem consultar as áreas responsáveis. Os pesquisadores afirmam que foram demandados a elaborar pareceres sobre expansão de programas de pós via ensino à distância com rapidez. Segundo eles, as decisões da Presidência e da Diretoria de Avaliação (DAV) da Capes têm pego os pesquisadores "de surpresa" e causam prejuízos ao trabalho.

Dia do Evangélico: PL filia Bolsonaro com festa religiosa nesta terça

Assim como em 2018, os evangélicos representam um grupo político bastante abraçado e visado pelo presidente. Grupos de fiéis de igrejas teriam sido convidas a integrar o evento, que deve contar com a participação de lideranças protestantes. Assim como o pai, o senador Flávio Bolsonaro também assinará a ficha de adesão ao PL na mesma ocasião. O parlamentar está de saída do Patriota.