22.1 C
João Pessoa

Emergência

Governo Federal reconhece emergência em 46 municípios afetados pela estiagem na Paraíba

O Governo Federal reconheceu situação de emergência em 46 municípios paraibanos devido a estiagem. A portaria foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta sexta-feira (07) e é assinada pelo secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil, Alexandre...

ESTIAGEM: Governo Federal reconhece situação de emergência em 150 municípios paraibanos; veja lista

A portaria foi assinada pelo secretário Nacional de Proteção e Defesa Civil, Alexandre Lucas Alves, e publicada no Diário Oficial da União nesta quarta-feira (24). A decisão se baseia em um decreto do governo estadual de 29 de outubro, que declarou situação de emergência nos 150 municípios. De acordo com o Estado, a falta de chuvas tem gerado prejuízos significativos às atividades produtivas nessas cidades, especialmente em relação à agricultura e pecuária. A portaria do governo federal deve desburocratizar processos para atender a população dos referidos municípios, como dispensa de licitações. 

Como montar uma reserva de emergência para sua empresa

Para Tiago Tadeu, head de Vendas da Intuit QuickBooks, fintech americana desenvolvedora de sistemas de gestão financeira para pequenas empresas e escritórios contábeis, o primeiro passo é fazer um planejamento financeiro. “Comece registrando a entrada e saída de dinheiro da sua empresa. É importante ser detalhista e não deixar nada de fora, pois é isso que vai começar a compor o fluxo de caixa da empresa”, explica.

Nova York e Nova Jersey declaram estado de emergência após tempestade deixar 9 mortos

Quase todas as linhas do metrô de Nova York foram suspensas após a água da chuva entrar nas estações e inundar as plataformas e os trilhos. Autoridades locais orientaram as pessoas a não transitarem pelas ruas, a pé ou de carro, devido à intensidade das chuvas e dos ventos, e os veículos não emergenciais foram proibidos de circular nas ruas da cidade até às 5h do horário local.

Estado tem 45 municípios em situação de emergência devido à estiagem

O decreto dispensa os municípios de fazer licitações para contratos de aquisição de bens e serviços necessários às atividades de respostas ao desastre, locação de máquinas e equipamentos, de prestação de serviços e de obras relacionadas com a reabilitação do cenário do desastre. O último decreto havia sido publicado em 27 abril, deste ano, com validade de 6 meses e listava 150 cidades em situação de emergência.

CRM-PB constata superlotação no Hospital Edson Ramalho, em João Pessoa

Em setembro do ano passado, o CRM-PB fiscalizou o hospital Edson Ramalho devido ao mesmo problema de superlotação. Nove meses depois, a unidade apresenta as mesmas irregularidades: excesso de pacientes para a capacidade instalada, permanência de pacientes no pronto atendimento por tempo superior a 24 horas e retardo na transferência de pacientes através da regulação de leitos.

Governador decreta situação de emergência em 150 municípios paraibanos

"As chuvas não foram suficientes para recarga dos mananciais, caracterizando assim um desastre que vem exigir a ação do Poder Público Estadual", disse João Azevêdo. A escassez de água na Paraíba acarreta em prejuízo e improdutividade para diversos setores, especialmente trabalhadores e agricultores que vivem nas cidades do interior. Com base no decreto, o governo do estado pode abrir crédito extraordinário para propor soluções e amenizar os prejuízos causados pela irregularidade pluviométrica.

Complexo de Patos registra 19% de redução dos atendimentos na Urgência e Emergência

Na emergência, além dos casos envolvendo os acidentados com motos, automóvel e bicicleta, os demais motivos dos atendimentos da unidade neste final de semana foram de pacientes com dor abdominal, síndrome gripal, queda da própria altura, queda de nível, entorse ou torção, dor no peito, dor renal, acidente com objeto perfuro-cortante, problemas ligados à hipertensão, entre outros motivos.

Dos 7.806 atendimentos do Samu no mês de março, 362 foram referentes à Covid

Com relação à Covid, os procedimentos são feitos na casa do paciente e, quando necessário, este é encaminhado para uma das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) da Capital. Segundo o coordenador do Samu, Galileu Machado, o Serviço de Atendimento Móvel continua atendendo normalmente as urgências e emergências, assim como passou a atender solicitações geradas pela Covid-19, com o mesmo cuidado e presteza que lhe é peculiar.
- Advertisement -

Últimas Notícias

Cinep abre 12 vagas de estágio e inscrições começam nesta segunda

A Companhia de Desenvolvimento da Paraíba (Cinep) realiza, a partir desta segunda-feira (31), o Processo Seletivo de Estágio para...
- Publicidade -

AGORA: Chuvas e ventos fortes causam danos em João Pessoa; veja vídeos

O sextou hoje está diferente. Quem foi a orla de João Pessoa se surpreendeu com os fortes ventos e com a chuva, a mesma...

Shoppings Manaira e Mangabeira se destacam como opção de passeio com diversas opções de lazer e entretenimento

Além de possuírem um grande mix de lojas, quiosques, serviços, ampla Praça de Alimentação, restaurantes e outras operações, os shoppings Manaira (zona leste) e...

COVID-19: Ômicron é mais contagiosa e pode reinfectar até seis vezes mais quem não se vacinou

O risco de nova infecção por Covid-19 pela variante ômicron é seis vezes maior entre pessoas que não tomaram a vacina ou que não...

IMPORTANTE: Entenda como vai funcionar o autoteste de covid-19

Nesta sexta-feira (28), a diretoria da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberou a possibilidade de comercialização de testes de covid-19 que podem ser...