30.1 C
João Pessoa
28.9 C
Campina Grande
19.5 C
Brasília

puérperas

PB: Monitora Covid-19 implanta protocolo de atendimento para gestantes e puérperas

A coordenadora da Rede Escola SUS-PB, Drica Macêdo Tófoli, relata que a demanda de atendimento para as gestantes e puérperas (até 45 dias pós-parto) foi observada pela área técnica de Saúde da Mulher da SES e, com apoio da Gerência Executiva de Atenção à Saúde (Geas), a preceptoria da Maternidade Frei Damião desenvolveu o protocolo junto aos residentes de Ginecologia e Obstetrícia. “A operacionalização do atendimento continua sendo feita por todos os atendentes com um cuidado maior para o público de gestantes e puérperas”, esclarece. A coordenadora destaca que o atendimento é realizado pelos residentes de todos os programas de residências médicas da SES. Ela explica que, primeiramente, o usuário precisa baixar o aplicativo, preencher o cadastro e responder às perguntas. A partir daí, o algoritmo do Monitora Covid-19 faz a classificação do paciente de acordo com as informações fornecidas e a equipe retorna o atendimento ao usuário. A coordenadora lembra que para ter acesso a esses atendimentos é necessário responder a todas as perguntas da triagem no aplicativo.

Ministério da Saúde atualiza recomendações de vacina para gestantes e puérperas

“Os imunizantes que podem ser utilizados em mulheres grávidas são os da Pfizer e da Coronavac. AstraZeneca e Janssem não”, declarou o ministro, Marcelo Queiroga, esta manhã. A exceção à recomendação ministerial é para as grávidas e puérperas que já tenham recebido uma primeira dose da vacina da AstraZeneca. Nestes casos, o ciclo vacinal deve ser completado com a aplicação da segunda dose com o imunizante do mesmo fabricante.

João Pessoa imuniza grávidas, puérperas e mais grupos neste sábado; veja horários

Quem tiver problemas na realização do cadastro ou agendamento pode procurar um posto de vacinação para obter orientações e garantir a dose. Para receber a vacina é necessário apresentar documento oficial com foto, Cartão SUS, CPF e comprovante de residência em João Pessoa. As grávidas e puérperas precisam da cópia de laudo ou declaração médica que comprove a sua condição e a prescrição do médico de que pode tomar a vacina. O cidadão que for tomar a segunda dose precisa levar apenas o cartão de vacinação e documento com foto.

Saúde abre no Isea ponto de vacinação permanente para gestantes e puérperas em Campina

No caso das mulheres com comorbidades, é necessário entregar laudo comprobatório. Também é obrigatório apresentar comprovante da condição de gestante ou de puérpera (mulheres até 45 dias após o parto). A vacina que está sendo administrada no público é do imunobiológico Pfizer.

Estado orienta gestantes a tomarem 2ª dose da AstraZeneca após período de gravidez e puerpério

O médico sanitarista e secretário executivo de Saúde da Paraíba, Daniel Beltrammi reforça que é importante compreender que as gestantes que tomaram a primeira dose da Astrazeneca terão o esquema vacinal concluído 45 dias após o nascimento de seus filhos. Até o dia 19 de maio, a Paraíba registrou um total de 1.125 grávidas e puérperas com aplicação da primeira dose do imunizante em questão. No início de maio, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou a suspensão temporária do uso da vacina Astrazeneca em gestantes e puérperas, após um evento adverso grave ocorrer no Rio de Janeiro.

Prefeitura de João Pessoa suspende vacinação de gestantes e puérperas sem comorbidades

A vacinação de gestantes e puérperas com comorbidades, após suspensão do uso da vacina AstraZeneca/Oxford/Fiocruz nesses casos, deverá prosseguir com as demais vacinas Covid-19 em uso no país (Sinovac/Butantan e Pfizer). Para vacinação de gestantes e puérperas com comorbidades, a mulher deverá comprovar a condição de risco (comorbidade) por meio de exames, relatório médico ou prescrição médica.

Campina Grande vacina hoje gestantes e puérperas

Nesta terça-feira também recebem a vacina da covid-19 as pessoas a partir de 55 anos de idade com comorbidades. A vacina será disponibilizada nas Unidades Básicas de Saúde, nas Policlínicas e nos Centros de Saúde. É necessário entregar laudo comprobatório da comorbidade, declaração ou receita médica atualizada.

Gestantes e puérperas com ou sem comorbidades recebem 1ª dose da Pfizer neste sábado, em João Pessoa

Quem for tomar a vacina deve levar documento oficial com foto, cartão do SUS, CPF, comprovante de residência e também uma cópia de um comprovante gestacional. No caso de comorbidades, é preciso levar cópia do laudo ou declaração médica que comprove sua condição. As cópias dos documentos comprobatórios ficarão retidos para posterior apuração por Comissão da Secretaria Municipal de Saúde e demais órgãos de fiscalização, como o Ministério Público.

Prefeitura de Campina Grande vacina gestantes e puérperas com comorbidades, nesta quarta-feira

As mulheres precisam fazer o agendamento no site vacinacao.campinagrande.pb.gov.br para receber a vacina. É necessário anexar comprovante da comorbidade e apresentar o documento na hora do atendimento. Como o atendimento será apenas nesta quarta-feira, o início da ação foi adiado das 8h para 10h.

Ministério da Saúde inclui todas as gestantes e puérperas em grupo prioritário de vacina contra Covid

Embora estudos apontem que a gestação e o pós-parto aumentam o risco de complicações e morte por Covid-19, especialistas dizem que pesa nesse cenário a falta de assistência adequada, como acesso a UTI e ao procedimento de intubação. O CDC (Centro de Controle de Doenças) dos EUA recomendou que as gestantes se vacinem contra a Covid-19. Um estudo recente mostrou que as vacinas da Pfizer e da Moderna são seguras para grávidas e bebês.
- Advertisement -

Últimas Notícias

VACINA JOÃO PESSOA: Veja onde se vacinar contra COVID-19 nesta sexta

A Prefeitura de João Pessoa dá continuidade a sua campanha de vacinação contra a Covid-19, nesta sexta-feira (20), imunizando...
- Publicidade -

PREOCUPANTE: Hospital Infantil do Valentina tem 90% dos leitos ocupados

Aumentaram os casos de crianças com Síndrome Respiratória Aguda atendidas no Hospital Infantil do Valentina, em João Pessoa. De acordo com o diretor técnico...

RETORNO: Postos de atendimento da Cagepa voltam a atender sem agendamento e reabrem aos sábados

A Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) inicia, neste sábado (21), a quarta e última fase de reabertura dos seus postos de...

MPPB recomenda retorno de servidores da Câmara Municipal de Santa Rita ao trabalho presencial

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) recomendou, nesta quinta-feira (19/05), ao presidente da Câmara de Vereadores de Santa Rita, Francisco de Medeiros Silva, o...

PRONATEC-PB: Educação abre mais de 2,5 mil vagas destinadas a alunos, professores e equipe técnica

ASecretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia da Paraíba (SEECT-PB) divulgou, nesta quinta-feira (19), no Diário Oficial do Estado, três editais...