22.1 C
João Pessoa

UFPB tem cerca de 500 inscritos na 1ª Corrida do Servidor que acontece neste domingo

Concentração terá início a partir das 5h e largadas ocorrerão a partir das 6h

A Universidade Federal da Paraíba (UFPB) realiza, neste domingo (7), a 1ª edição da Corrida do Servidor. A corrida acontece em alusão ao Dia do Servidor Público e busca valorizar os servidores, estimulando a integração entre os campi e a abertura dos espaços da Universidade para a sociedade. Aproximadamente 500 atletas se inscreveram no evento.

A corrida terá duas categorias: “Público Geral” e “Servidor UFPB”, ambas com percursos de 5km e 10km. Os primeiros colocados de cada categoria receberão o valor de R$ 250,00. Os alunos da UFPB concorrerão na categoria de público geral. Já os portadores de necessidades especiais concorrerão em uma categoria específica “Pessoa com Deficiência (PcD) cadeirante e não cadeirante”.

Leia Também

A concentração terá início a partir das 5h, no Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes (CCHLA), Campus I, em João Pessoa. Para evitar aglomerações, haverá uma largada por ondas, com os atletas da rota de 10km largando às 6h e os atletas do trajeto de 5km largando às 6h05.

Além da largada por ondas, outros protocolos de biossegurança incluem aferição de temperatura, distribuição de álcool em gel e uso obrigatório da máscara. Os atletas deverão manter a máscara no rosto até o momento da largada e recolocá-la após cruzar a linha de chegada.

O evento será aberto para que o público possa assistir à corrida, desde que respeitadas as medidas de distanciamento e uso de máscara durante todo o evento. O acesso ao Campus I se dará pela entrada do CCHLA.

Em 2021, a Corrida do Servidor da UFPB foi incluída no circuito de corridas oficiais de João Pessoa. A competição vai ser arbitrada pela Federação Paraibana de Atletismo. A ação é realizada em parceria com a Prefeitura de João Pessoa (PMJP), Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), Confederação Nacional das Cooperativas Médicas (Unimed), Sicredi Creduni, Instituto Alpargatas, Santa Clara, Marcus Inácio e PolyBalas.

O prefeito Cícero Lucena vai participar da atividade como atleta, assim como a Vice-reitora Liana Filgueira e o Prof. Valdir Braga, Pró-Reitor de Pesquisa (Propesq), um veterano nas competições de atletismo. O docente já participou das maratonas de Boston, Chicago, Berlim, Sevilha, Nova Iorque e Porto Alegre. Ele falou sobre as expectativas de participar de uma corrida da UFPB.

“Parei de competir desde o início da pandemia e, por oito meses, também tinha parado de treinar. Então, há um mês, retornei aos treinos. Essa corrida vai marcar minha volta às provas e competições. Tenho certeza que vai ser de muito sucesso não só pra mim como atleta, mas também para toda a UFPB. A corrida será um marco na cidade de João Pessoa”, afirmou o Prof. Valdir Braga.

O evento possui um objetivo social de arrecadação de alimentos para o Natal Solidário da UFPB, com doação para instituições sem fins lucrativos.

#PUBLICIDADE#

Mais Lidas

MADRUGADA DE TERROR: tiroteio e correria na Praça da Paz, nos Bancários; veja o vídeo

A madrugada não foi nada tranquila na Praça de Paz, no bairro dos Bancários, em João Pessoa. Vídeos que circulam...

UNIMED nega testes da Covid para usuários do plano em João Pessoa

Em recente comunicado da Unimed João Pessoa para seus clientes, a operadora diz que há escassez de insumos necessários para realização de testes Covid....

Juliette vira personagem de jogo online desenvolvido por estudante paraibano

“Tenho trabalhado cerca de 6 horas por dia no jogo, todos os dias. Criando o conceito, desenhos, animações, programação e gravando, editando pra postar no Instagram. [Na vida real] é lógico que ela vai sair campeã da casa, a quantidade de cactos [apelido dos fãs da participante] só vai aumentar e ela vai continuar sendo o fenômeno que é, mesmo após o fim do programa”, explica o estudante. 

Suspeito de tentar assaltar policial militar é morto durante troca de tiros em João Pessoa

Um homem foi morto a tiros na tarde deste sábado (22), ao tentar assalta um policial militar na Praia do Sol, em João Pessoa....

Unimed-JP nega suspensão dos serviços de telemedicina em sua plataforma

O presidente da Unimed João Pessoa, Gualter Ramalho, disse nesta terça-feira ao portal F5 Online que não houve suspensão nos serviços de telemedicina da Cooperativa e sim uma expansão de atendimento.  Em nota enviada à redação do F5, Gualter Ramalho diz que "Em momento algum houve suspensão ou paralisação no atendimento dos serviços de medicina pela Unimed João Pessoa". 
#PUBLICIDADE#

ACHAMOS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

#PUBLICIDADE#