João Pessoa 25.13ºC
Campina Grande 22.9ºC
Patos 26.48ºC
IBOVESPA 119137.86
Euro 5.816
Dólar 5.4195
Peso 0.006
Yuan 0.7469
Ranking internacional aponta Laureano como 6º hospital do Brasil com maior base para tratamento de câncer
13/12/2022 / 21:11
Compartilhe:

O Hospital Napoleão Laureano (HNL) é destaque em ranking internacional, o HospiRank, entre os dez hospitais oncológicos mais bem equipados do Brasil em 2022. De acordo com os dados da Global Health Intelligence (GHI), o hospital filantrópico foi eleito o 6º do Brasil e o 1º do Nordeste que possui maior base instalada para tratamento de câncer no país. O levantamento analisa a infraestrutura de hospitais públicos e privados da América Latina.

A pesquisa da Global Health Intelligence – líder mundial em análise de dados no setor de saúde na América Latina – aponta também que o HNL está entre os dez melhores hospitais brasileiros que se destacaram, diante dos 21 mil hospitais latino-americanos pesquisados. Ao todo, o HospiRank analisou 140 setores específicos, compondo o maior banco de dados do mundo sobre complexos hospitalares da América do Sul e Central. “Somos o único hospital do Nordeste que possui quatro máquinas de radioterapia. Já aceleradores lineares e aparelhos de mamografia estereotáxica apenas o Laureano e um hospital do Ceará possuem. Esses equipamentos são primordiais na luta contra o câncer e nós estamos muito felizes por esse reconhecimento internacional!”, diz o diretor geral do HNL, Dr. Marcílio Cartaxo.

O HospiRank aponta os hospitais mais bem equipados da América Latina, abrangendo os países como Argentina, Brasil, Colômbia, Peru, Chile, Colômbia, Uruguai, Paraguai, Costa Rica, Equador, Porto Rico, República Dominicana, Venezuela e México. “Ver o Laureano entre os melhores do continente, o sexto do país e o primeiro do Nordeste só comprova que seguimos dando nosso melhor para salvar a vida dos nossos pacientes com câncer. Aproveito para ressaltar que esse mérito é dos nossos mais de 800 colaboradores que diariamente se empenham em suas funções”, celebra o presidente da Fundação Napoleão Laureano, Marcelo Lucena Filho.

O ranking internacional é dividido por oito categorias: hospitais mais bem equipados para receber pacientes; maior infraestrutura para acomodar um alto volume de procedimentos; maior número de equipamentos cirúrgicos básicos; hospitais mais bem equipados para acomodar recém-nascidos; hospitais mais bem equipados para realizar diagnósticos primários; hospitais mais bem equipados para realizar diagnósticos por imagem avançados; hospitais mais bem equipados para atender pacientes de alto risco e a categoria ‘maior base instalada para tratamento de câncer’, na qual o Hospital Laureano foi destaque nacional e o 1º lugar do Nordeste.

A partir dessa pesquisa, o hospital filantrópico que é mantido pela Fundação Napoleão Laureano passar a integrar o rol das melhores instituições de saúde do país, lado do Hospital A.C Camargo, de São Paulo; Hospital do Amor, de Barretos-SP; Hospital Haroldo Juaçaba, de Fortaleza-CE e Hospital da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre. “Neste dia sete de dezembro completo 89 anos de vida – em que mais de 60 anos foi trabalhando de Laureano – e esse reconhecimento de estarmos entre ‘os hospitais mais bem equipados do Brasil em 2022’, é o meu melhor presente”, comemora o diretor financeiro da Fundação, Dr. Antônio Carneiro Arnaud.

As principais ferramentas usadas para classificar os hospitais foram: o SurgiScope (banco de dados sobre procedimentos médicos realizados em hospitais da América Latina); o HospiScope (banco de dados demográficos sobre hospitais de 17 países da América Latina, que oferece mais de 140 dados por hospital, incluindo a quantidade de equipamentos instalados, leitos e funcionários); o ShareScope (ferramenta que oferece dados detalhados sobre bens de capital como aparelhos de raio X, tomógrafos, aparelhos de ressonância magnética, marca-passos, stents e tecnologias médicas); o In-Scope (serviço que oferece pesquisas personalizadas que ajudam no conhecimento do mercado hospitalar) e o HospiCheck (plataforma exclusiva permite ao administrador hospitalar inserir as quantidades de equipamentos médicos de seu hospital). “É o maior banco de dados sobre a região, cobrindo quase 90% dos centros localizados nesses países”, comenta Douglas Holanda, representante da empresa no Brasil, comenta Douglas Holanda, representante da empresa no Brasil.