João Pessoa 23.13ºC
Campina Grande 20.9ºC
Patos 21.9ºC
IBOVESPA 124305.57
Euro 5.6025
Dólar 5.1645
Peso 0.0058
Yuan 0.7135
Roberto Jefferson é indiciado por quatro tentativas de homicídio
24/10/2022 / 15:48
Compartilhe:

O ex-deputado federal Roberto Jefferson (PTB) foi indiciado pela Polícia Federal (PF) por quatro tentativas de homicídio. Durante o tumultuado cumprimento do mandado de prisão neste domingo (23/10), dois agentes feridos com estilhaços e outros dois, que estavam em uma viatura que foi alvo de disparos, não chegaram a ser atingidos.

Jefferson se entregou no início da noite de ontem após oito horas de descumprimento da ordem de prisão expedida pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). O parlamentar atacou policiais que foram a Comendador Levy Gasparian, no interior do Rio de Janeiro, para cumprir um mandado de prisão. Na chegada dos agentes, por volta das 11h, Jefferson jogou três granadas e deu tiros de fuzil.

Inicialmente, Moraes tinha expedido um mandado de prisão contra Jefferson por ele ter violado medidas de prisão domiciliar. Depois, o ministro mandou prendê-lo em flagrante sob a acusação de tentativa de homicídio.

Dois policiais estavam dentro de uma viatura que foi alvejada e outros dois foram feridos por estilhaços, sem gravidade: o delegado Marcelo Vilella, que teria sido atingido na cabeça e na perna, e a policial Karina Lino Miranda de Oliveira, ferida na cabeça. Os dois foram atendidos em um hospital da região e já tiveram alta.

Jefferson está no presídio de Benfica, na Zona Norte do Rio, e vai passar por audiência de custódia na tarde desta segunda-feira (24) na Justiça Federal.