Vacinado, João Azevedo começa a mexer peças no tabuleiro

O evento para a entrega de caminhões e equipamentos destinados à agricultura familiar no Centro de Convenções, em João Pessoa, mostrou nesta segunda-feira que após tomar as duas doses de Coronavac o governador João Azevedo quer se reaproximar da sua base política.

Não que tenha estado tão distante, mas durante a pandemia as audiências foram suspensas e o contato olho no olho foi impedido durante 14 meses. 

No mesmo ‘palanque’, estiveram dividindo espaço parlamentares que transitam em campos políticos ideológicos bem diferentes, como é o caso dos federais Julian Lemos (PSL) e Frei Anastácio (PT). 

Julian já não esconde seu entusiasmo pelo projeto de reeleição de Azevedo, mesmo com boa parte de seus discursos fiel ao conservadorismo tem buscado se equilibrar e buscar novos espaços.

Já o Frei Anastácio tem colado no governador pois vai precisar de um empurrãozinho na disputa com Luiz Couto que ensaia retomar o mandato perdido em 2018 quando deixou a vaga na Câmara e afundou na disputa ao Senado.

Sabendo de todos esses interesses, o governador vai construindo soluções debaixo do seu guarda-chuva e pavimentando o projeto de reeleição dentro do seu tabuleiro de xadrez.

O evento de hoje trouxe duas certezas: 

1) Azevedo vai começar a dar mais visibilidade às ações do governo;

2) O palanque de 2022 vai ser bem eclético. 


MARCANDO POSIÇÃO: O deputado federal em exercício Rafael Pereira de Sousa, popularmente conhecido por Rafafá (PSDB), defendeu hoje durante entrevista na rádio Arapuan que Pedro ou Cássio disputem o governo liderando a oposição.

DESTINO DE RICARDO: O presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Adriano Galdino (PSB), disse nesta segunda-feira (7) que a Casa está pronta para votar as contas de Ricardo Coutinho (PSB), rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) na última sexta (4). Ninguém sabe ainda se o ex-governador vai pedir apoio dos parlamentares para derrubar a decisão do TCE.

INFERNO ASTRAL: Ricardo já tem uma inelegibilidade decretada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e a situação política agora se complica ainda mais com as decisões da Corte de contas, sem falar em quase uma dezena de processos que tramitam na Justiça comum.

JUSTIÇA COMUM 

Aliados do governador avaliam que, se conseguirem levar os processos para a Justiça Eleitoral, ele estará livre e poderá até disputar as próximas eleições. 

MARCIO MURILO FEZ

Enquanto em Pernambuco, a Ordem dos Advogados apela para a implantação do Projeto Digitaliza, na Paraíba essa inovação já foi implementada desde a gestão do ex-presidente do TJPB, desembargador Márcio Murilo da Cunha Ramos. Hoje ele comemorou o feito distribuindo mensagens via whatsapp.  

VICTOR HUGO 

Prefeitura de Cabedelo apresentou, nesta segunda-feira (7), os detalhes do Projeto Orla, a maior intervenção a ser realizada na orla cabedelense, em um investimento de cerca de R$ 30 milhões. O projeto foi anunciado pelo prefeito Vitor Hugo em uma coletiva de imprensa, no Centro Cultural Mestre Benedito. A intervenção vai contar com urbanização, reordenamento, paisagismo, iluminação e acessibilidade nas praias de Intermares, Ponta de Campina, Poço, Camboinha, Miramar, Formosa, além do acesso ao Dique de Cabedelo, do entorno da Fortaleza Santa Catarina e das Ruínas do Almagre.

 

ATALHOS

  • O cerimonial do governo anotou cerca de 20 deputados que bateram ponto hoje no evento convocado pelo governador.
  • O deputado estadual Eduardo Carneiro (PRTB) está levando aos poucos a Prefeita de Conde, Karla Pimentel para a base do governador João Azevedo.
  • A senadora Daniela Ribeiro (PP), mandou avisar que não anda pedindo dinheiro emprestado pelo WhatsApp. Foi mais uma vítima da clonagem.
#PUBLICIDADE#