29.8 C
João Pessoa

Desaprovação de Bolsonaro volta a subir e está em 53%, diz EXAME/IDEIA

Quem acha o trabalho do presidente ótimo ou bom são 23%, e regular, 21%

O número de brasileiros que avalia a gestão do presidente Jair Bolsonaro como ruim ou péssima voltou a subir e chegou muito próximo do recorde, registrado em julho deste ano, quando ficou em 57%. Segundo dados da mais recente pesquisa EXAME/IDEIA, a avaliação negativa soma 53%. Em relação à última sondagem, de agosto, foi um aumento de cinco pontos percentuais. Quem acha o trabalho do presidente ótimo ou bom são 23%, e regular, 21%.

A pesquisa traz dados muito eloquentes em relação à inflação. Dos entrevistados, 79% encaram a situação como um grande problema no dia a dia. Os itens que mais têm pesado no bolso das pessoas são alimentos, bebidas e combustíveis. Para a população de renda mais baixa, das classes D e E, os alimentos e as bebidas têm um peso maior, e os combustíveis, obviamente, nas classes A e B.

Leia Também

Outro ponto importante é que 68% dos entrevistados mudaram os hábitos de alimentação em razão da inflação.

“Obviamente que isso tem um impacto muito grande no dia a dia das pessoas, estamos falando de mais de dois terços dos brasileiros comendo de alguma maneira diferente, obviamente piorando sua alimentação em razão do aumento de preços. Quem trabalha com a inflação sabe que ela é essencialmente expectativa, e 61% acham que os preços vão continuar aumentando nos próximos seis meses, ou seja, vamos continuar convivendo com um cenário bastante preocupante para o Brasil”, diz Maurício Moura, fundador do IDEIA, instituto especializado em opinião pública.

“Em relação à avaliação do governo, os indicadores do presidente continuam bastante reativos. A gente vê um ruim e péssimo acima de 50%, o que é muito perigoso porque essa parcela é de difícil desconversão. A aprovação de Jair Bolsonaro, apesar de bem resiliente na casa de 25%, no histórico é muito inferior aos pares dele que conseguiram a reeleição no Brasil pós-redemocratização – Fernando Henrique Cardoso, Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff. Bolsonaro tem duas variáveis bastante preocupantes para uma possível reeleição: forte rejeição refletida na avaliação ruim, e baixa aprovação”, avalia Maurício.

Outro dado preocupante da pesquisa é que 42% dos brasileiros discordam que a economia vai melhorar nos próximos seis meses. “É muita gente com incertezas em relação ao futuro da economia, no médio prazo. Isso tem uma correlação com a aprovação do governo, 55% dos que avaliam o governo como ótimo e bom acham que vai melhorar e quem avalia mal é justamente o contrário [66% ruim e péssimo]. É um sentimento geral de desconfiança e incerteza em relação à melhora econômica”, diz Maurício Moura.

Dos entrevistados, 45% atribuem ao governo federal o aumento no preço dos combustíveis e 28% atribuem aos governadores. Só que, quando cruzamos essa informação com aprovação e avaliação do presidente, é justamente o contrário. Quem aprova o governo federal acha que a culpa é dos governadores e vice-versa. A responsabilidade, do ponto de vista da opinião pública, é um tema bastante polarizado.

A pesquisa EXAME/IDEIA ouviu 1.295 pessoas entre os dias 18 e 21 de outubro. As entrevistas foram feitas por telefone, com ligações tanto para fixos residenciais quanto para celulares. A sondagem é um projeto que une EXAME e o IDEIA, instituto de pesquisa especializado em opinião pública. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos.

#PUBLICIDADE#

Mais Lidas

PSDB decide adiar votação das prévias

O PSDB decidiu suspender a realização das prévias presidenciais neste domingo, em consequência de falhas no aplicativo pelo qual...

DIA DO HETERO: Foi aprovado na ALPB, o Dia Estadual do Orgulho Heterossexual na PB

Foi aprovado por unanimidade na sessão desta segunda-feira (22), o projeto de lei 3.324/2021 que cria o Dia Estadual do Orgulho Heterossexual no âmbito do Estado da Paraíba....

150 VAGAS: Concurso para UFPB é anunciado para 2022

O anúncio aconteceu durante uma live realizada pelo reitor da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Valdiney Gouveia, anunciou nesta terça-feira (23) que serão ofertadas pelo...

Acidente no Manaíra Shopping deixa dois mortos

Segundo as primeiras informações do IML o condomínio do shopping realizava um serviço de relocação de uma casa de máquinas de ar-condicionados quando ocorreu o acidente que vitimou Luciano Bezerra (53) e Euclídes Silva (61). O delegado Alberto Jorge plantonista na Central de Polícia esteve no local acompanhando a perícia do IML e a remoção dos corpos.

PBAgora/Datavox: João Azevêdo tem 38,4% e Pedro Cunha Lima 11,5% em pesquisa estimulada para o Governo do Estado

O Instituto Datavox divulgou nesta quinta-feira (25) os números de pesquisa estimulada sobre a corrida eleitoral ao governo da Paraíba em 2022. O levantamento...
#PUBLICIDADE#

ACHAMOS QUE VOCÊ VAI GOSTAR

#PUBLICIDADE#