24.1 C
João Pessoa
23.9 C
Campina Grande
23.5 C
Brasília

Neurociência

A neurociência por trás da ‘ginástica’ para o cérebro

E se existisse uma forma de ficar mais atento? Com o raciocínio mais rápido? Ter mais memória e assertividade? Conseguir lidar melhor com questões complexas da vida? A resposta para todas essas perguntas está na prática que já mudou...

3 estratégias da neurociência para parar de procrastinar e ser mais produtivo

A especialista em neurociência e comportamento Gaya Machado explica que a procrastinação funciona como uma verdadeira batalha entre uma parte antiga do cérebro chamada sistema límbico, na maioria das vezes ligada ao comportamento impulsivo e ao desejo de gratificação instantânea, e uma parte relativamente mais nova, chamada córtex pré-frontal, responsável por comportamentos mais complexos como planejar o futuro. “Quando estamos passando por momentos onde as emoções mais fortes como a ansiedade e o estresse falam mais alto, o sistema límbico impulsivo tende a sobressair e adiar as tarefas mais difíceis para ter uma espécie de alívio temporário, fazendo algo que nos dê prazer imediato”, diz.

Aprenda como a neurociência pode te transformar no profissional do futuro

A neurociência comprova que todos os nossos comportamentos mudam nosso cérebro e a chave para estas mudanças é a neuroplasticidade cerebral - a capacidade que o sistema nervoso tem de passar por mudanças ao longo da vida. E também a neurogênese, que é a capacidade do corpo de produzir e maturar novos neurônios. Diversas pesquisas comprovam que somos programados para aprender e reaprender e não depende da idade, ou seja, ao longo de toda nossa vida nosso cérebro continua criando novas conexões e aprendendo. Se você entende que precisa continuar se desenvolvendo, mas quer fazer isso com base no que há de mais moderno que a ciência já comprovou que pode nos levar mais além, Gaya Machado preparou um guia com quatro estratégias de Mind Skills para potencializar seu aprendizado e te levar a resultados efetivos:

Pesquisadores da UFPB desenvolvem aplicativo que monitora a saúde mental

Pesquisadores do Programa de Pós-graduação em Neurociência Cognitiva e Comportamento (PpgNeC) desenvolveram o software “Neuropesquisa”, um aplicativo que fornece medidas sobre a saúde mental do usuário, de acordo com o movimento das mãos no celular. O app foi criado pelo doutorando Danilo Andrade de Meneses, sob orientação do professor Luiz Carlos Serramo Lopez, no Laboratório de Ecologia Comportamental e Psicobiologia, do Centro de Ciências Exatas e da Natureza (CCEN), no Campus I, em João Pessoa. O software está disponível na Play Store, de forma gratuita, para o sistema Android. De acordo com o doutorando Danilo Meneses, a forma de digitar no smartphone pode demonstrar comportamentos depressivos, estressores ou oscilantes no parâmetro “humor”, o que pode contribuir para diagnósticos de depressão, ansiedade e transtorno bipolar. A intenção dos pesquisadores é que o invento possa se tornar uma ferramenta de telemedicina. O professor Luiz Lopez contou que o aplicativo consegue oferecer informações sobre o estado de estresse do corpo de uma pessoa à distância.
- Advertisement -

Últimas Notícias

Lula respondeu: “Venham, cactos”

O ex-presidente Lula (PT) reagiu às manifestações a favor do seu nome na noite de shows dessa sexta-feira (24),...
- Publicidade -

“Senti que tudo ficou preto”, conta nadadora resgatada após desmaiar na piscina

A nadadora artística norte-americana Anita Álvarez, 25, falou à imprensa após o episódio da quarta-feira (22) em que perdeu a consciência na piscina durante...

MPF diz que áudio de Ribeiro aponta indício de interferência de Bolsonaro

O MPF (Ministério Público Federal) afirma haver suspeitas de interferência do presidente Jair Bolsonaro (PL) nas investigações referentes ao ex-ministro da Educação Milton Ribeiro,...

Wesley Safadão cancela shows na Paraíba por conta de lesão na coluna

O cantor Wesley Safadão, através da ‘WS Shows’, anunciou, na tarde deste sábado (25), a suspensão dos shows neste fim de semana. No comunicado,...

Juiz diz que, solto, Milton Ribeiro pode interferir nas investigações

Depois que o desembargador Ney Bello, do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), em Brasília, mandou soltar o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro,...